PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Tuchel diz que goleiro do Chelsea merecia estar na briga pela Bola de Ouro

Mendy defende chute durante partida entre Chelsea e Brentford - REUTERS/Toby Melville
Mendy defende chute durante partida entre Chelsea e Brentford Imagem: REUTERS/Toby Melville

redacao@gazetaesportiva.com (Redação)

17/10/2021 11h23

Classificação e Jogos

Depois de vencer o Brentford por 1 a 0, neste sábado, fora de casa, o Chelsea chegou aos 19 pontos somados e manteve a posição de líder do Campeonato Inglês. Após o apito final, o técnico Thomas Tuchel fez diversos elogios ao goleiro Édouard Mendy, que teve atuação de destaque na partida com defesas decisivas. O treinador alemão lamentou que o senegalês esteja fora da disputa pela Bola de Ouro deste ano.

"Merecia estar na lista, mas sabem, estou feliz. É mais importante que esteja tendo um nível de atuação como na partida de hoje contra o Brentford do que estar numa lista qualquer. Ele não se deixa abater por isso. Porém, até penso que todo a nosso time podia estar na lista, ganhamos a Liga dos Campeões como uma equipe. Ter cinco ou seis nomes não tem a menor importância", comentou Tuchel.

O arqueiro chegou ao clube inglês em setembro de 2020, vindo do Rennes, da França, por 25 milhões de euros (cerca de R$ 157 milhões). Com instabilidade na posição durante algumas temporadas, o jogador logo tomou a vaga de titular, que antes era disputada por Kepa e Caballero, e foi um dos principais nomes da equipe nas conquistas da Champions League e da Supercopa da Europa na temporada passada.

Tuchel salientou que a performance do goleiro foi decisiva para o time sair de campo com o triunfo. Durante os 90 minutos, o atleta fez seis defesas difíceis, sendo uma delas após um dos jogadores adversários acertar uma bicicleta próxima à pequena área, já nos minutos finais do duelo.

"Ele foi muito forte durante todo o jogo. Conseguimos manter muita pressão longe dele durante os primeiros 60-65 minutos, mas eles ainda estavam lá. Eles sempre foram perigosos em lances de bola parada, eles colocaram muitos chutes de falta, cantos, chutes de falta na sua área, então é uma ameaça constante e o Mendy estava muito forte e muito concentrado também na nossa jogada de construção, uma ótima atuação", finalizou o comandante.

Os Blues voltam a entrar em campo já na próxima quarta-feira, em compromisso pela Liga dos Campeões. O Chelsea recebe o Malmo, no Stamford Bridge, às 16h (horário de Brasília), pela terceira rodada da fase de grupos do torneio continental.

Esporte