PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Palmeiras goleia o Atlético-GO em noite brilhante de Scarpa e Veiga

Diego Iwata Lima

De São Paulo

10/11/2021 22h19

A boa fase do Palmeiras continua. Com grandes atuações de Raphael Veiga e Gustavo Scarpa, que nem mesmo jogaram a partida inteira, o Palmeiras bateu o Atlético-GO por 4 a 0, com facilidade, e segue na vice-liderança do Campeonato Brasileiro. Foi a sexta vitória consecutiva do Palmeiras no campeonato, sétimo jogo sem perder.

O Palmeiras dominou os dois tempos da partida, mostrou repertório, jogou bem com e sem a bola e venceu com autoridade. A 17 dias da final da Libertadores, o time do técnico Abel Ferreira mostra força e convence mais uma vez. No Brasileirão, o time está agora dez prontos atrás do líder Atlético-MG, restando sete partidas.

O Atlético-GO até mostrou certa organização, mas sucumbiu diante de um jogo muito bom do time alviverde. Com 37 pontos, o time do Centro-Oeste fica na 14ª colocação.

Na próxima rodada, o Palmeiras visita o Fluminense no domingo, 18h15. Já o Dragão recebe o Santos no sábado, às 17h.

Cronologia do jogo

Veiga abriu o placar com assistência de Scarpa. Rony também fez com passe do meia. Na segunda etapa, Scarpa fez de pênalti. E já à beira dos acréscimos, Breno Lopes fez com passe de Dudu: 4 a 0, incontestáveis. .

Quem foi bem: Gustavo Scarpa titular é realidade

Vai ser muito difícil Abel Ferreira voltar a tirar Gustavo Scarpa do time titular do Palmeiras. O camisa 14 fez mais um ótimo jogo, com duas assistências, chegando a 22 na temporada, 14 no Campeonato Brasileiro. Ditou o ritmo, apareceu bem para tabelas e soube ajudar na marcação, algo que Abel cobra muito dele.

Quem foi mal: Zé Roberto pouco pegou na bola

A volta do atacante era vista com expectativa pela torcida goiana. Mas Zé Roberto não empolgou nem minimamente.

Primeira grande chance é do Atlético-GO

Num erro de posicionamento de Luan e Marcos Rocha, o Atlético-GO teve a primeira chance de gol do jogo. Aos 4min, o contra-ataque do Dragão encontrou a defesa alviverde desarrumada, e Ronald lançado em profundidade, nas costas de Marcos Rocha, saiu livre na cara de Weverton. O chute rasteiro passou raspando a trave.

Palmeiras respondeu com seguidas chegadas e abriu o placar

Palmeiras abre o placar contra o Atlético-GO: Raphael Veiga

Aos 8min, Dudu bateu duas vezes a gol em lances diferentes. O segundo, passou raspando. Cinco minutos depois, Veiga acertou belo chute rasteiro após bela jogada iniciada com um lançamento para Gustavo Scarpa, que carregou e serviu seu companheiro nas proximidades da meia-lua. O chute rasteiro e cruzado foi indefensável. Foi a 12ª assistência de Scarpa no Brasileirão, para o 10º gol de Veiga.

Palmeiras quase vacila logo depois do gol, como contra o Flamengo

Assim como contra o Flamengo, o Palmeiras quase levou o empate imediatamente depois de fazer seu gol. Dudu desceu pelo lado direito do ataque e colocou na cabeça de Zé Roberto, que cabeceou por cima, mas com perigo. É um ponto de atenção para Abel Ferreira.

Gustavo Scarpa de novo, fazendo assistência: 2 a 0, gol de Rony

Rony amplia sobre o Dragão, com mais uma assistência de Scarpa

Já está virando mais do que rotina. Só no Brasileirão, foram 13 as vezes que Gustavo Scarpa colocou a bola à mercê dos seus companheiros para a rede balançar. A cobrança de falta pela direita do ataque foi na cabeça de Rony, que desviou de costas para ampliar, aos 31min.

VAR corrige Daronco, e Scarpa faz o terceiro

O clima no Palmeiras é tão bom, que Raphael Veiga abriu mão de bater um pênalti que Daronco não viu, mas o VAR sim. Scarpa recebeu a bola de presente de companheiro e bateu com categoria, no canto, longe de Fernando Miguel, aos 17min da 2ª etapa.

Palmeiras muda muito e time só administra; Mayke volta e Breno completa goleada

Com o placar tão favorável, o Palmeiras passou por muitas alterações. Veiga e Scarpa, por exemplo, saíram assim que o terceiro gol saiu. Além do gol, só mesmo a entrada de Mayke, que volta de cirurgia e se prepara para ser o titular na final da Libertadores, na vaga do suspenso Marcos Rocha, foi motivo de mais atenção por parte da torcida. Exceto aos 46, quando Breno Lopes recebeu de Dudu e fez o quarto.

FICHA TÉCNICA
PALMEIRAS 4 X 0 ATLÉTICO-GO

Motivo: Campeonato Brasileiro, Rodada 31

Local e Horário: Allianz Parque

Árbitro: Anderson Daronco (RS)

Auxiliares: Rafael Alves e Michael Stanislau (RS)

VAR: Rodrigo Dalonso Ferreira (SC)

Gols: Veiga, aos 13min, e Rony, aos 31 do 1º tempo. Scarpa aos 17, e Breno Lopes aos 46 do 2º (PAL)

Cartões Amarelos: Danilo (PAL); e Éder, Oliveira e Janderson (ACG)

Público e Renda: 19.165; R$ 1.130.116,36

Palmeiras: Weverton, Marcos Rocha (Mayke), Kuscevic, Luan (Renan) e Victor Luis; Danilo, Zé Rafael, Raphael Veiga (Breno Lopes) e Gustavo Scarpa (Patrick de Paula); Dudu e Rony (Luiz Adriano). Técnico: Abel Ferreira

Atlético-GO: Fernando Miguel; Dudu (Arnaldo), Wanderson, Éder e Igor Cariús; Willian Maranhão (Marlon Freitas), Baralhas e João Paulo (Oliveira); Janderson, Zé Roberto (Montenegro) e Ronald (Toró). Técnico: Eduardo Souza

Errata: o texto foi atualizado
Diferentemente do que foi informado no texto, Gustavo Scarpa deu 13 assistências ao longo do Brasileirão. O erro foi corrigido.
Diferentemente do que foi informado na Ficha Técnica, os jogadores do Atlético-GO Éder, Oliveira e Janderson tomaram cartão amarelo. O erro foi corrigido.

Futebol