PUBLICIDADE
Topo

Cruzeiro

Atacante do Cruzeiro se arrepende por entrada e ganha perdão do adversário

Henrique André

Do UOL, em Belo Horizonte

02/09/2021 12h00

Jogando fora de casa, a equipe Sub-17 do Cruzeiro empatou em 2 a 2 com o Sport-PE, na primeira partida das oitavas de final da Copa do Brasil da categoria. Contudo, o que mais chamou atenção no duelo foi um fato que aconteceu horas depois do apito final, pelas redes sociais de um dos atacantes da equipe mineira.

Expulso aos 44 minutos do segundo tempo, após entrada dura no meia Cícero Neto, Vitor Roque se arrependeu do excesso de força no lance que o mandou mais cedo para o vestiário e que poderia ter causado séria lesão no adversário. Pelo Instagram, ele pediu desculpas ao companheiro de profissão e, felizmente, teve resposta à altura.

"Nação Azul. Venho aqui pedir desculpas pelo meu ato intempestivo no jogo de ontem e reconhecer meu erro pela expulsão nos minutos finais da partida contra o Sport. Sempre tento ajudar e defender nossa camisa de todas as formas dentro de campo, mas sei que passei do ponto. Peço desculpas aos meus amigos e companheiros de time, à comissão técnica e a vocês, torcedores. Peço desculpas também ao Cícero, atleta do Sport e meu colega de profissão, pela jogada mais ríspida. O episódio fica como lição e um grande aprendizado para mim. Sei que meus companheiros darão a vida no jogo de volta na busca pela classificação. Um abraço a todos", escreveu o atacante de 16 anos.

"Fala, Vitor! Sabemos que no calor do momento tudo pode acontecer lá dentro. Estamos jogando por grandes camisas e também pelos nossos sonhos. Foi uma grande partida. Intensa, difícil. Um segundo muda tudo. É muito rápido. Sei que não foi maldade e nem intenção de me machucar. Seguimos firmes e algum dia estaremos trocando camisa e nos cumprimentando por aí. Fica tranquilo e com Deus", respondeu o meia do Sport-PE.

Súmula do jogo

Na súmula da partida, o árbitro Luciano Luís de Castro Silva relatou a expulsão e destacou a reação do atacante cruzeirense que, ao receber o vermelho, entendeu perfeitamente e não se manifestou de forma agressiva.

"Dar uma entrada contra um adversário com uso de força excessiva na disputa da bola CD V1.8. Aos 44 minutos do segundo tempo, expulsei com cartão vermelho direto o sr. Vitor Hugo Roque Ferreira, nº 09 da equipe do Cruzeiro Esporte Clube, por dar uma entrada com uso de força excessiva em seu adversário, sr. Cícero Simplício de Andrade Neto, nº 02 da equipe Sport Club do Recifem na disputa da bola. Informo ainda que o atleta atingido não precisou de atendimento e o atleta expulso deixou o campo de jogo normalmente".

Próximos jogos

O jogo de volta está marcado para o dia 8 de setembro, no Sesc Venda Nova, em Belo Horizonte. Antes, a Raposa volta a campo pelo Campeonato Mineiro. No sábado, vai até São João Del Rei encarar o Athletic.

Cruzeiro