PUBLICIDADE
Topo

Erros em pontuação de jogador e liga paga do Cartola geram reclamação

Rafael Forster, do Botafogo, foi expulso contra o Sport - Vitor Silva/Botafogo
Rafael Forster, do Botafogo, foi expulso contra o Sport Imagem: Vitor Silva/Botafogo

Leandro Carneiro

Do UOL, em São Paulo

13/10/2020 15h30

Classificação e Jogos

O Cartola FC mudou as regras para 2020 e, aparentemente, as alterações no scout incomodaram muita gente. Os desarmes, antiga roubada de bolas, e as defesas difíceis é o que mais tem gerado reclamação, desde o começo da disputa. Agora, um erro claro na pontuação gerou queixas.

A pontuação do zagueiro Rafael Forster, do Botafogo, foi o problema. Ele foi expulso contra o Sport no fim de semana, mas o game não computou a pontuação como se fosse cartão vermelho e sim dois amarelos.

Se tivesse pontuado como prevê o regulamento, ele teria perdido um ponto a mais. A regra do jogo fala que quando um jogador é expulso pelo segundo amarelo, os amarelos são cancelados e ele soma apenas o vermelho.

Vale lembrar que para esse ano, a Globo contratou os serviços do Footstats para computar a pontuação dos jogadores.

Há quem questione também a soma das pontuações no site da Globo. Na liga Pro do jogo, que só participam pessoas que pagam assinatura, o líder do mês de outubro aparece com 494 pontos. No entanto, se você somar a pontuação das três rodadas do mês, ele teria 315,92.

A Globo foi procurada para comentar as críticas pela pontuação e os erros, mas não respondeu até a publicação.