PUBLICIDADE
Topo

UOL de Primeira

Os bastidores do futebol em primeira mão


São Paulo inicia 2020 com direitos de imagem de jogadores em atraso

Diretoria do São Paulo, composta por nomes como Fernando Chapecó (e), Alexandre Pássaro (c) e Raí (d), não acertou pendências - Rubens Chiri/saopaulofc.net
Diretoria do São Paulo, composta por nomes como Fernando Chapecó (e), Alexandre Pássaro (c) e Raí (d), não acertou pendências Imagem: Rubens Chiri/saopaulofc.net
Exclusivo para assinantes UOL

Do UOL, em São Paulo

14/01/2020 04h00

O São Paulo iniciou o ano de 2020 com direitos de imagem de parte do grupo que deveriam ter sido pagos no ano passado atrasados. Os atrasos, em alguns dos casos, chegam a dois meses, mas os atletas não pretendem reclamar publicamente. O décimo terceiro, por outro lado, foi pago regularmente aos jogadores no final do ano. O atraso no pagamento da imagem não é inédito: o clube do Morumbi, que vive situação financeira delicada, já tinha feito o mesmo em junho deste ano.

Internamente, pessoas ligadas à direção do São Paulo afirmam que os atrasos se devem a ajustes no fluxo de caixa, e que os valores serão integralmente quitados. O clube fechou 2020 com um déficit de R$ 180 milhões, e aposta em vendas de atletas para sanar o problema. (Por Pedro Lopes)

UOL de Primeira