PUBLICIDADE
Topo

Barcelona empata, chega a 4 jogos sem vencer no Espanhol e cai para 2°

HEINO KALIS/REUTERS
Imagem: HEINO KALIS/REUTERS

Do UOL, em São Paulo

07/10/2018 17h35

Após quatro jogos sem vencer, o Barcelona não é mais líder do Campeonato Espanhol. Neste domingo (7), o time catalão empatou com o Valencia por 1 a 1 no Estádio de Mestalla e foi superado na liderança da competição pelo Sevilla, que venceu o Celta de Vigo em confronto válido pela oitava rodada.

O duelo foi movimentado desde os primeiros instantes. Com menos de dois minutos, Garay abriu o placar para o time da casa. Messi, aos 22 da etapa inicial, igualou para o Barça. Os visitantes tentaram a pressão na segunda etapa, mas não conseguiram furar a defesa rival.

Com o resultado, o Barcelona chegou a 15 pontos - um atrás do Sevilla - e ocupa a segunda posição. Já o Valencia subiu para nove pontos e está na 13ª colocação.

O próximo compromisso do Barcelona é justamente contra o líder Sevilla, no dia 20 de outubro, no Camp Nou. No mesmo dia, o Valencia recebe o Leganés.

O melhor: Messi

Lionel Messi não conseguiu dar a vitória ao Barcelona neste domingo, mas foi o principal nome da equipe dentro de campo. O argentino marcou o gol de empate após boa tabela com Suárez e participou ativamente até o fim do confronto com tentativas de finalizações e arrancadas. 

O pior: Piqué

Piqué teve uma participação decisiva na partida contra o Valencia. O zagueiro cortou mal uma cobrança de escanteio do adversário logo nos primeiros minutos e viu Garay abrir o placar para o time da casa. O gol sofrido logo no início dificultou as pretensões do Barça no confronto.

Valencia sai na frente com gol relâmpago

Valencia comemora gol contra o Barcelona - Alberto Saiz/AP - Alberto Saiz/AP
Imagem: Alberto Saiz/AP

O início do jogo foi de bastante intensidade do Valencia. Com menos de dois minutos, o time da casa abriu o placar com Ezequiel Garay. Após cobrança de escanteio, Piqué não conseguiu cortar e a bola sobrou limpa para o zagueiro argentino completar para a rede. O gol deu ânimo ao Valencia, que chegou com perigo no contra-ataque em outras duas ocasiões. Mesmo depois de sofrer o empate, a equipe manteve a proposta e explorou os lances rápidos para tentar chegar ao gol do Barcelona.

Messi empata e coloca o Barcelona no jogo

Após a pressão inicial do Valencia, o Barcelona equilibrou as ações e chegou ao empate aos 22 minutos do primeiro tempo com Lionel Messi. O argentino deu um passe entre as pernas do marcador para Suárez, recebeu de volta e bateu forte no canto esquerdo de Neto para igualar o placar. Foi o sexto gol do camisa 10 na competição.

Barça controla 2º tempo, mas não marca

Precisando da vitória para retomar a liderança do Espanhol, o Barcelona tomou a iniciativa na segunda etapa. O time catalão controlou a posse de bola com ampla superioridade, mas teve muita dificuldade para criar chances efetivas de gol contra o Valencia, que se limitava a sair somente nos contra-ataques. Com pouca criatividade coletiva, o Barça ficou refém das tentativas individuais de Messi.

Gayá impede gol de Coutinho

Coutinho em ação contra o Valencia - HEINO KALIS/REUTERS - HEINO KALIS/REUTERS
Imagem: HEINO KALIS/REUTERS

Por muito pouco Philippe Coutinho não anotou o gol da virada do Barcelona. Aos 29 minutos do segundo tempo, o meia recebeu passe dentro da área e armou o chute. No instante decisivo, Gayá apareceu para evitar a finalização do brasileiro, substituído no fim da partida para a entrada de Dembélé.

Brasileiros têm atuações discretas

Os brasileiros que estiveram o campo no confronto deste domingo tiveram atuações discretas. Pelo lado do Barcelona, os meias Arthur e Philippe Coutinho iniciaram entre os titulares, mas criaram pouco para escapar da forte marcação do adversário. O melhor momento da dupla foi quando Coutinho deu uma caneta no marcador e arriscou chute cruzado. Rafinha ainda teve chance de atuar nos minutos finais, mas não teve tempo para mudar o cenário.

No Valencia, o goleiro Neto e o zagueiro Gabriel Paulista tiveram atuações sólidas, mas de pouco destaque. Ambos não tiveram culpa no gol do Barça e corresponderam no momento em que foram exigidos. Além deles, Rodrigo Moreno - brasileiro naturalizado espanhol - entrou em campo na segunda metade da etapa final.

Barça vive sequência negativa

O Barcelona chegou a quatro jogos consecutivos sem vitória no Espanhol. O time catalão não vence desde a quarta rodada, quando bateu a Real Sociedad por 2 a 1. Desde então, a equipe soma três empates (contra Girona, Athletic Bilbao e Valencia) e uma derrota (contra o Leganés).