PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Bahia marca no fim, Grêmio perde e deixa de ser vice-líder após 12 jogos

Do UOL, em Porto Alegre

24/09/2017 20h58

O Grêmio já não é mais o principal perseguidor do líder Corinthians. Neste domingo (24) o Tricolor gaúcho perdeu para o Bahia, na Fonte Nova, e caiu uma posição na tabela do Brasileirão. A derrota em Salvador chegou no último minuto, em lance onde Edilson escorregou e Allione se jogou. Rodrigão, na cobrança, garantiu o 1 a 0.

A queda de uma posição na classificação acontece após 12 rodadas. Desde 13 de julho, quando venceu o Flamengo fora e casa, o Grêmio estava logo abaixo do Corinthians.

O resultado em Salvador, combinado com a vitória do Santos diante do Atlético-PR, no sábado, é que muda o cenário: agora, o time alvinegro soma 44 pontos e o Grêmio tem um a menos. O Corinthians segue isolado na ponta, com 54 pontos.

Quem foi bem: Patrick e Everton

Patrick foi a primeira substituição no jogo, na etapa final, e melhorou a criação do Grêmio. Everton veio a campo minutos depois e completou o crescimento ofensivo do time. Os dois protagonizaram a melhor jogada em Salvador: um cruzamento rasteiro que terminou com chute no travessão.

Quem decepcionou: Ramiro e Arroyo

Outra vez improvisado pelo centro, Ramiro deu superioridade e não criatividade. O Grêmio passou mais de uma hora rodando de um lado para o outro sem ter profundidade. Arroyo apresentou força, mas teve dificuldade na velocidade e no um contra um pela esquerda. Os dois saíram e assistiram do banco a melhor fase do time gaúcho em campo – na reta final.

Personagem: Paulo Victor

Esporte