PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Abel Braga dispara contra Luxa: 'Ninguém vai baixar a calcinha para ele'

Polícia cerca a arbitragem, enquanto Abel Braga tira zagueiro Leandro Eusébio de perto - Fernando Maia/UOL
Polícia cerca a arbitragem, enquanto Abel Braga tira zagueiro Leandro Eusébio de perto Imagem: Fernando Maia/UOL

Do UOL Esporte

No Rio de Janeiro

09/10/2011 19h53

A discussão entre o técnico Vanderlei Luxemburgo, do Flamengo, e os jogadores do Fluminense no intervalo da vitória rubro-negra por 3 a 2, neste domingo, no Engenhão, pela vigésima oitava rodada do Campeonato Brasileiro, irritou Abel Braga, comandante Tricolor.

Após uma cotovelada de Renato Abreu em Rafael Moura, Abel não se conformou ao ver Luxa batendo boca com os jogadores do Fluminense e disparou contra o técnico do Flamengo.

“O Luxemburgo não tem nada que ficar batendo boca com meu jogador. Aqui ninguém vai baixar a calcinha para o Luxemburgo. Ele é meu amigo, mas fui dizer que não tem que se meter. Não dou direito a ninguém de discutir com jogador meu. Até porque nenhum jogador meu vai bater boca com treinador adversário”, desabafou.

Sobre o jogo, Abel Braga considerou a derrota do Fluminense injusta, mas exaltou o grande espetáculo proporcionado pelos dois times.

“Vocês viram um grande jogo de futebol, digno de um Fla-Flu. Bem disputado, com mudanças de resultados. O Flamengo conseguiu a vitória com felicidade em uma cobrança de falta que bateu no meu goleiro. Mas acredito que não merecia ter um vencedor. O Fluminense esteve mais presente no ataque, não sei te dizer se foi melhor. No segundo tempo, o domínio foi muito grande. O empate seria o mais justo”, finalizou.

Esporte