PUBLICIDADE
Topo

Fórmula 1

'Não acho que o Hamilton seja mais completo que eu’, diz Verstappen

Lewis Hamilton e Max Verstappen no pódio do GP da Espanha de Fórmula 1 em 2021 - REUTERS/Albert Gea
Lewis Hamilton e Max Verstappen no pódio do GP da Espanha de Fórmula 1 em 2021 Imagem: REUTERS/Albert Gea

Colaboração para o UOL

02/06/2021 10h57

Max Verstappen venceu a última corrida no GP de Mônaco e alcançou a liderança do Campeonato Mundial, quatro pontos à frente de Lewis Hamilton. Antes da próxima disputa, que acontecerá no domingo (06), no GP de Baku, em Azerbaijão, o piloto da Red Bull revelou à Sky Sport Itália que a equipe aprendeu com os erros do passado e vai trabalhar para ultrapassar a Mercedes. Verstappen espera conquistar o sonhado título mundial neste ano.

'Como equipe, aprendemos com nossos erros do passado. Ainda estamos atrás da Mercedes, mas vamos trabalhar nisso (...) Espero que 2021 seja lembrado como um bom ano. Claro que espero terminar na frente de todos, mas não sou o único a sonhar com isso. Temos que viver no presente, sei que tenho que ser rápido e teremos que trabalhar muito durante toda a temporada. Eu sei que muitas [equipes] já estão trabalhando para 2022 (onde uma grande mudança nos regulamentos será implementada, com um carro totalmente diferente), mas temos uma boa oportunidade este ano e temos que dar nosso tudo', afirmou o holandês.

Além disso, o piloto de 23 anos discordou ao ser questionado sobre Hamilton ser mais completo e talentoso que ele. 'Não estou de acordo! Mas essa é a minha opinião. Sim, ele tem mais experiência. Mas isso não significa que seja mais completo. É a minha opinião e não há necessidade de ninguém concordar comigo', disse.

Verstappen declarou, também, não sentir nenhum tipo de inveja do piloto sete vezes campeão mundial. 'Não e eu não invejo ninguém. Estou muito feliz com quem sou. Tenho sorte de estar na F1 e na vida que vivo. E não tenho ciúmes nem inveja de ninguém. Fico feliz se alguém tem uma vida boa e é bom no que faz. Eu apenas vivo minha vida', finalizou.

Fórmula 1