PUBLICIDADE
Topo

Fórmula 1

Vettel registra melhor tempo na última volta e largará na pole no México

Sebastian Vettel pilota treino classificatório do GP do México - Alfredo Estrella/AFP
Sebastian Vettel pilota treino classificatório do GP do México Imagem: Alfredo Estrella/AFP

Julianne Cerasoli

Do UOL, na Cidade do México (MEX)

28/10/2017 17h01

Sebastian Vettel largará na primeira colocação no GP do México. O alemão registrou o melhor tempo no treino deste sábado (28) na última volta e deixou para trás o líder do campeonato, Lewis Hamilton. Próximo do título, o piloto da Mercedes sairá em terceiro neste domingo (29), às 17h (de Brasília), enquanto Max Verstappen ficou em segundo.

O inglês poderia ter levado o título no último fim de semana com uma combinação de resultados, mas impediu a conquista antecipada em Austin. Desta vez, basta Hamilton cruzar a linha de chegada na quinta colocação para conquistar o tetracampeonato da Fórmula 1.

Único brasileiro da categoria, Felipe Massa ficou com a 11ª posição no grid, parando no Q2. 

Como foi o treino no México

Na primeira parte da classificação, Ferrari e Red Bull decidiram não usar os pneus ultramacios, os mais rápidos do final de semana, seguros de que teriam tempos bons o suficiente para passar para o Q2, o que aconteceu com tranquilidade. Com isso, as Mercedes não tiveram concorrência e lideraram com Hamilton à frente de Bottas por centésimos.

Apenas quatro pilotos seriam eliminados na primeira parte do treino, uma vez que Pierre Gasly teve problemas no motor ainda no treino da manhã na Cidade do México e não participou da classificação. O francês, contudo, não vai largar em último, uma vez que as duas McLaren têm punições pela troca do motor e formarão a última fila.

Nos momentos finais do Q1, não houve surpresas: além de Gasly, foram eliminadas as duas Haas e as duas Sauber.

Na segunda parte da classificação e com todos os pilotos usando os ultramacios, mais problemas para a Toro Rosso, com Brendon Hartley ficando pelo caminho reclamando de falta de potência e causando uma bandeira amarela que atrapalhou a primeira tentativa de alguns pilotos. As duas Williams e as duas McLaren tiveram de abortar suas voltas.

Massa e Stroll chegaram a voltar à pista, mas não conseguiram um lugar no top 10, mesmo sem Hartley e sem as McLaren que, já sabendo que largariam da última fila, sequer tentaram uma volta rápida na classificação. Massa fez o 11º tempo e seu companheiro, o 12º. 

A um minuto do término do Q3, Max Verstappen era o dono da melhor marca da tarde. O holandês, que realizou grande corrida nos Estados Unidos, deixava tanto Lewis Hamilton e quanto Sebastian Vettel para trás, porém o alemão conseguiu superá-lo na última volta feita no circuito, em 1min16s488.

Veja como ficou o grid de largada

  1. Sebastian Vettel (Ferrari) 1min16s488
  2. Max Verstappen (Red Bull) 1min16s524
  3. Lewis Hamilton (Mercedes) 1min16s934
  4. Valtteri Bottas (Mercedes) 1min16s958
  5. Kimi Raikkonen (Ferrari) 1min17s238
  6. Esteban Ocon (Force India) 1min17s437
  7. Daniel Ricciardo (Red Bull) 1min17s447
  8. Nico Hulkenberg (Renault) 1min17s466
  9. Carlos Sainz Jr. (Renault) 1min17s794
  10. Sergio Pérez (Force India) 1min17s807
  11. Felipe Massa (Williams) 1min18s009
  12. Lance Stroll (Williams) 1min18s902
  13. Brendon Hartley (Toro Rosso) 1min18s683
  14. Marcus Ericsson (Sauber) 1min19s176
  15. Pascal Wehrlein (Sauber) 1min19s333
  16. Kevin Magnussen (Haas) 1min19s443
  17. Romain Grosjean (Haas) 1min19s473
  18. Pierre Gasly (Toro Rosso)
  19. Fernando Alonso (McLaren) 1min17s710*
  20. Stoffel Vandoorne (McLaren) 1min18s578*

*McLaren foram punidas por troca de motor

Fórmula 1