PUBLICIDADE
Topo

Fórmula 1

Massa se diz incomodado com indecisão da Williams sobre seu futuro

Felipe Massa antes do GP do Japão - Mark Thompson/Getty Images
Felipe Massa antes do GP do Japão Imagem: Mark Thompson/Getty Images

Do UOL, em Austin (EUA)

19/10/2017 19h17

A Williams realizou nas últimas semanas dois testes para avaliar possíveis substitutos para Felipe Massa na próxima temporada. E depois de ter deixado claro para a equipe quais as condições financeiras para permanecer por mais um ano, o piloto brasileiro disse que essa espécie de prova para substituí-lo lhe incomoda.

“Para falar a verdade, um pouco”, reconheceu o piloto, ouvido pelo UOL Esporte em Austin, nos Estados Unidos, onde se prepara para a 17ª etapa do campeonato. “Porque o que você vai ver nesses testes é difícil de imaginar se o piloto que vai escolher está pronto para fazer um bom trabalho ou não. Neste momento que a Williams vive, investindo no carro do ano que vem, não acho que é o ideal. Mas para mim não muda nada: sei do que eu sou capaz e a equipe também sabe.”

Seja qual for a decisão, contudo, Massa pede para que a equipe faça o anúncio antes do GP do Brasil.

“Acho que é o melhor para todo mundo, inclusive para a equipe, pois todos os outros times estão se ajeitando. É importante que as coisas aconteçam rápido e que eu saiba logo meu futuro.”

Não há nenhuma expectativa de que a Williams se posicione neste final de semana, ainda que uma resposta para um dos dois pilotos testados - Robert Kubica - tenha de ser dada antes da próxima etapa, no México. O outro piloto que andou com um carro de 2014 foi Paul Di Resta, atualmente piloto reserva da equipe.

Em Austin, o foco da equipe é ficar na zona de pontuação. “É outra corrida importante com a Williams, importante para nossa briga com a Toro Rosso, Renault e Haas. Primeiro precisamos marcar pontos para continuar em uma boa posição na luta pela quinta colocação no campeonato.”

A equipe tem 14 pontos de vantagem para a Toro Rosso, sexta colocada no campeonato.

Fórmula 1