PUBLICIDADE
Topo

Milton Neves

OPINIÃO

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

Tite, 61 anos: que nota você dá para o trabalho do treinador na seleção?

Tite, técnico da seleção brasileira, durante entrevista coletiva para convocação - Lucas Figueiredo / CBF
Tite, técnico da seleção brasileira, durante entrevista coletiva para convocação Imagem: Lucas Figueiredo / CBF
Conteúdo exclusivo para assinantes
Milton Neves

Milton Neves é jornalista profissional diplomado, publicitário, empresário, apresentador esportivo de rádio e TV, pioneiro em site esportivo no Brasil, 1º âncora esportivo de mídia eletrônica do país, palestrante gratuito de Faculdades e Universidades, escrivão de polícia aposentado em classe especial, pecuarista, cafeicultor e é empresário também no ramo imobiliário.

25/05/2022 09h39

Uma das pessoas mais corretas que conheci no futebol, Adenor Leonardo Bachi comemora nesta quarta-feira (25) seus 61 anos.

E Tite certamente vai celebrar com muita caipirinha, seu drinque favorito, nesta noite.

Mas também é certo que o pilhado treinador não conseguirá relaxar nem neste momento de festa.

É que, comprometido como poucos, Tite deve estar quebrando a cabeça para conhecer melhor os adversários do Brasil na Copa do Mundo.

Copa que, honestamente, o Brasil tem chances de ganhar, sim!

Afinal, alguém imaginava que a Croácia pudesse chegar à final do Mundial passado?

Por isso tudo pode acontecer lá no Qatar e a belíssima campanha nas Eliminatórias coloca o escrete canarinho como um dos postulantes ao troféu, sim!

Mas agora eu quero saber, amigo internauta, o que você tem achado do trabalho de Tite na seleção.

Que nota você dá para o treinador gaúcho no escrete canarinho?

A minha nota é 6,91 por dois motivos.

Primeiro, por ele ter ido muito mal na Copa passada, quando o Brasil caiu bovinamente para a Bélgica.

Segundo por ele não dar chances aos melhores jogadores aqui do futebol brasileiro.

Mas e você, como avalia o trabalho do aniversariante do dia?

Abaixo, veja "milhares" de fotos do grande treinador que fez história no Corinthians:

Da esquerda para a direita, em pé: Sérgio Neri, Gilson, Almir, Ricardo Rocha, Marco Antônio e Tosin. Agachados: Chiquinho, Tite, Evair, Marco Antônio Boiadeiro e João Paulo. Foto enviada por Luiz Carlos Ferreira

Da esquerda para a direita, em pé: Tite é o primeiro. Agachados: Ubirajara Veiga é o quarto. Foto: Arquivo pessoal de Ubirajara Veiga

Tite, então treinador do Corinthians, posa ao lado de Marcelo Vasconcelos. Foto: Acervo pessoal

Na foto acima, Dunga orienta Diego Forlán. Ao lado, vemos uma relação de técnicos: Tite, Cuca e Paulo Autuori. Essa matéria saiu na Revista Placar de julho de 2013. Imagem: Placar

Vibrando após marcar um gol pela Lusa no Canindé, em 1985. Foto enviada por Emílio A. Duva

A edição de janeiro de 2013 da Revista Placar (1374) reúne os assuntos do momento. Imagem Placar

Luís Fernando Abichabki, o primeiro, da esquerda para a direita, visitou o treino do Corinthians, em Dubai, quando o time alvinegro se preparava para a disputa do Mundial de Clubes e encontrou o treinador Tite, o terceiro, da esquerda para a direita

Jogadores, comissão técnica e diretoria do Corinthians comemoram o título do Mundial de Clubes da Fifa, em Yokohama, no Japão; no dia 16 de dezembro de 2012. Foto: REUTERS/Kim Kyung-Hoon

Tite levanta faixa em menção a torcida corintiana no estádio de Yokohama, após a vitória do Corinthians sobre o Chelsea que levou à conquista do Mundial de Clubes de 2012, no dia 16 de dezembro. Foto: Ricardo Nogueira/Folhapress

Da esquerda para a direita: Júlio César, Tite e Fábio Santos. Foto: Fábio Lucas Neves/Portal TT

Da esquerda para a direita: Jorge Henrique, jogador não identificado, Edenilson, Guerrero, Tite, jogador não identificado, Danilo e um membro da comissão técnica. Foto: Fábio Lucas Neves/Portal TT

Cléber Xavier e Tite. Foto: Fábio Lucas Neves/Portal TT

Apenas com uma bola como companheira, Tite caminhou lentamente ao redor do campo, compenetrado, em silêncio absoluto, focado. Foto: Fábio Lucas Neves/Portal TT

Tite andando com o olhar vidrado e concentrado, tudo pela preparação da equipe para o Mundial de Clubes, em dezembro de 2012. Foto: Fábio Lucas Neves/Portal TT

Como todo brasileiro que se depara com a neve, Tite ficou encantado com o amanhecer do dia em Nagoya, onde o Corinthians faz a preparação para o Mundial em dezembro de 2012. Foto: Fábio Lucas Neves/Portal TT

Tite (à esquerda), ao conversar com o jornalista Mauro Naves (à direita), da TV Globo, no saguão do hotel, o treinador destacou que o clima adverso pode atrapalhar o time. "O gramado vai ficar escorregadio. Tenho poucos atletas acostumados a jogar nesse terreno, como Sheik, Danilo e Douglas. Vamos treinar agora à tarde para nos adaptarmos", disse o técnico do Timão. Foto: Fábio Lucas Neves/Portal TT

A edição de dezembro de 2012 da Revista Placar (1373) contou com Tite na capa, onde na ocasião, o técnico se preparava para o Mundial de Clubes da Fifa. Imagem: Placar

A edição de dezembro de 2012 da Revista Placar (1373) contou com Tite na capa, onde na ocasião, o técnico se preparava para o Mundial de Clubes da Fifa. Imagem: Placar

Tite conversa com Andrés Sanchez no CT do Corinthians. Foto: UOL

Luca, filho mais novo de Galvão Bueno, "tietou" o então treinador do Corinthians, Tite, em 26 de novembro de 2012. Reprodução TV SporTV

Miro e Beatriz, irmãos de Tite. Os dois contam que Tite era um menino muito educado na infância, mas que era apenas regular na escola Bruno Thadeu/UOL

Tite e o pai Genor, falecido em 2008 Bruno Thadeu/UOL

O pai de Tite, seu Genor, faleceu meses depois Bruno Thadeu/UOL

Melhor desempenho de Tite foi na 6ª série, quando tirou vários B (notas de 7 e 8) Bruno Thadeu/UOL

Essa folha sintetiza o que foi o aluno Tite da 5ª a 8ª: um menino que jamais tirou nota acima de 8, que passava com nota mínima (S de suficiente) e que levava bronca dos professores por escrito. "Meu irmão era um pouco devagar sim na escola. Mas ele amadureceu demais após os 18 e virou um exemplo", diz o irmão caçula Miro Bruno Thadeu/UOL

Tite ficou de recuperação em Língua Portuguesa, na 8ª série. Agora treinador, ele demonstra preocupação em falar corretamente e usa termos pouco comuns entre boleiros Bruno Thadeu/UOL

O caderno de Tite era feio e ele não gostava de estudar...pelo menos é o que consta no registro escolar do treinador, datado de 1973, quando ele tinha 12 anos Bruno Thadeu/UOL

Número 1 da classe, Adenor Bachi, o Tite, era um colecionador de comentários negativos dos professores do colégio Emílio Meyer, em Caxias do Sul. Neste parecer, Tite foi definido como um aluno com pouca vontade de estudar Bruno Thadeu/UOL

Boletim mostra que Tite já falava muito desde pequeno: O alerta foi dado pela professora: "falta de atenção e conversa" Bruno Thadeu/UOL

Tite foi descrito como "distraído e sem vontade" pela professora de Comunicação e Expressão, em 1973 Bruno Thadeu/UOL

Boletim informa que Tite não era pontual e ainda faz um alerta: melhorar a nota em língua portuguesa Bruno Thadeu/UOL

Boletim de Tite. Da 5ª à 8ª séries, Tite não teve nota acima de 8 Bruno Thadeu/UOL

Demonstração de que o pequeno Tite não era uma referência positiva da classe. Sem meias palavras, a professora definiu o garoto como "não trabalha, perturba, não atende" Bruno Thadeu/UOL

Tite, aos 11 anos, com o pai Genor (já falecido) e com a mãe Ivone na primeira comunhão. A foto é de 1972. "Ele nunca viu essa foto. Vai se emocionar quando ver", diz a irmã Beatriz, que achou o retrato após entrevista ao UOL Esporte Bruno Thadeu/UOL

Ainda criança, Tite (de branco) junto com o irmão Miro (caçula), a irmã Beatriz e os tios, que tinham acabado de casar. Tite devia ter 7 anos . Foto: Bruno Thadeu/UOL

Tite ainda criança ao lado da irmã Beatriz. A dupla era chamada para cantar em casamentos de familiares. "Ele ficava furioso porque morria de vergonha e não queria cantar. Aí ele fingia que cantava e eu cantava sozinha", entrega a irmã Beatriz Bruno Thadeu/UOL

Foto de Tite na juventude. Foto: UOL

Miro, irmão de Tite. Foto: UOL

Dona Ivone, mãe de Tite, posa com uma camisa em homenagem ao filho. Foto: UOL

Dona Ivone, mãe de Tite, em Caxias do Sul, onde mora. Foto: UOL

Tite comemora o título da Libertadores da América, no Pacaembu, dia 4 de julho de 2012, contra o Boca Juniors. Foto: UOL

Tite comemora com a torcida o título inédito da Libertadores da América, no Pacaembu, dia 4 de julho de 2012. Foto: UOL

Tite antes da partida Corinthians x Cruzeiro, pelo Campeonato Brasileiro, no Pacaembu. Foto: UOL

Scolari discute com Tite, técnico do Corinthians, durante clássico válido pelo Campeonato Paulista, no Pacaembu. Crédito FSP - Ricardo Nogueira-01.mai.2011/Folhapress

Em 27 de julho de 2012, agora amado pelos corintianos, Tite cumpriu a promessa de trabalhar em um dia no estádio do Corinthians, que abrirá a Copa do Mundo de 2014. Foto Divulgação Corinthians

Em 27 de julho de 2012, Tite cumpriu a promessa, se caso o Corinthians ganhasse a Libertadores trabalharia um dia de pedreiro na construção do Estádio do Timão, no bairro da Itaquera, na zona leste de São Paulo. Foto Divulgação

- Na Faixa Veja o Presidente Lula, com a faixa de campeão da Libertadores de 2012. O primeiro do lado direito, é o épico capitão do primeiro título corintiano Alessandro, seguido pelo técnico Tite e do lado esquerdo, o último é o diretor de futebol Roberto Andrade, ao seu lado o presidente do Timão em 2012, Mário Gobbi e o garotinho é Tom Marcondes, sobrinho de Celso Marcondes, coordenador executivo do Instituto Lula. Foto: Heinrich Aikawa/Instituto Lula

Na imagem, os jogadores que ganharam a Libertadores de 2012 aparecem em pé, enquanto os atletas que triunfaram no Paulista de 77 estão agachados. Foi a entrega da faixa para os jogadores campeões do torneio continental, em 11 de julho de 2012, no Pacaembu. Em pé, da esquerda para a direita: Alessandro, Paulo André, Paulinho, Cássio, Chicão, Alex, Romarinho, Danilo, Ralf, Elton, Fábio Santos, Tobias, Tite e José Teixeira. Agachados: Zé Maria é o primeiro, o segundo é Basílio, Romeu Cambalhota aparece em terceiro, Geraldão em quarto, Ivan é o sexto, Zé Eduardo o sétimo, o oitavo é Lance e o último é Wladimir. Foto: UOL

Tite, Cláudio Costa de Oliveira e Neto. A foto, publicada na coluna do jornalista Rogério Micheletti, foi enviada a ele pelo ex-gandula e hoje radialista Cláudio Costa de Oliveira, o Carioca

No centro da imagem, Andrés fala com Liédson. Ao fundo, da esquerda para a direita, aparecem Tite, Duílio Monteiro Alves, Roberto de Andrade, Ralf, Willian e Leandro Castán. Foto: UOL

No centro da imagem, Liédson abraça Andrés. Ao fundo, à esquerda, aparecem Tite e Duílio Monteiro Alves (filho de Adilson Monteiro Alves). À direita, Ralf e Willian. Foto: UOL

No centro da imagem, Tite cumprimenta Andrés. À direita deles, estão Duílio Monteiro Alves e Roberto de Andrade. No canto inferior esquerdo aparece o jornalista Chico Lang. Foto: Reprodução/UOL

Tite é firme em seu trabalho, treina os jogadores duramente. Foto: Portal TT

Com a bola no pé, mostra aos seus jogadores a categoria de quem já foi um craque, pelo Guarani, Caxias e Lusa. Foto: Portal TT

Tite enfrenta mais um dia de treinamento do Corinthians. Foto: Portal TT

A jornalista Marília Ruiz e Tite em 30 de janeiro de 2012, noite de autógrafos do livro "Paixão Corinthiana", de Vitor Guedes. Foto: Marcos Júnior/Portal TT

Tite e a jornalista Marília Ruiz em 30 de janeiro de 2012, noite de autógrafos do livro "Paixão Corinthiana", de Vitor Guedes. Foto: Marcos Júnior/Portal TT

Em 30 de janeiro de 2012, Basílio, Gomes (do Pequeninos do Jóquei) e Tite, na noite de autógrafos do livro "Paixão Corinthiana", de Vitor Guedes. Foto: Marcos Júnior/Portal TT

A jornalista Marília Ruiz e Tite em 30 de janeiro de 2012, noite de autógrafos do livro "Paixão Corinthiana", de Vitor Guedes. Foto: Marcos Júnior/Portal TT

José Teixeira, Tite e Vitor Guedes em 30 de janeiro de 2012, noite de autógrafos do livro "Paixão Corinthiana", de Vitor Guedes. Foto: Marcos Júnior/Portal TT

Tite foi o convidado da BandNews FM no estúdio montado no Mercado Municipal de São Paulo e reencontrou Martins, que arbitrou muitas partidas da época em que o treinador jogava futebol. Foto: Marcos Júnior/Portal TT

Entrevistando o treinador Tite no estúdio da BandNews FM no Mercado Municipal, em São Paulo no dia 23 de janeiro de 2012. Foto: Marcos Júnior/Portal TT

No estúdio da BandNews FM no Mercado Municipal, em São Paulo no dia 23 de janeiro de 2012. À direita, Alex Muller. Foto: Marcos Júnior/Portal TT

No estúdio da BandNews FM no Mercado Municipal, em São Paulo no dia 23 de janeiro de 2012. Foto: Marcos Júnior/Portal TT

Tite e o jornalista Vitor Guedes no estúdio da BandNews FM no Mercado Municipal, em São Paulo no dia 23 de janeiro de 2012. Foto: Marcos Júnior/Portal TT

Entrevistando o treinador Tite no estúdio da BandNews FM no Mercado Municipal, em São Paulo no dia 23 de janeiro de 2012. Foto: Marcos Júnior/Portal TT

Na entrada do Auditório Ibirapuera, em 5 de dezembro de 2011, ocasião em que a CBF premiou os melhores do Brasileirão 2011. Foto: Marcos Júnior/Portal TT

Na entrada do Auditório Ibirapuera, em 5 de dezembro de 2011, ocasião em que a CBF premiou os melhores do Brasileirão 2011. Foto: Marcos Júnior/Portal TT

Na entrada do Auditório Ibirapuera, em 5 de dezembro de 2011, ocasião em que a CBF premiou os melhores do Brasileirão 2011. Foto: Marcos Júnior/Portal TT

Falcão (de costa) cumprimenta o amigo treinador Tite, na partida entre Corinthians e Internacional. Foto: iG

Tite no treino do Colorado, em 2010. Foto: VIPCOMM

Veja como Tite era e como ficou

Tite e o ex-capitão Willian. Foto: iG

Tite no treinamento do Corinthians em março de 2011. Foto: iG

William, no dia em que assumiu o cargo no Corinthians, observado por Tite e Roberto Carlos, à direita. Foto: iG

Tite após a vitória do Corinthians sobre o Palmeiras. Ao lado dele, o jornalista e torcedor fanático do Corinthians Fernando Fontana. Foto enviada por Marcelo Rozenberg

Foto: iG

Tite orienta treino no centro de treinamento do Corinthians. Na imagem, de costas, Roberto Carlos, Edu Gaspar corre para a direita, Iarley observa e Alessandro, o último da foto, fica atento. Foto: IG

Tite sempre foi muito querido pelos jogadores. Na imagem, o gaúcho dá conselhos ao veterano Iarley. Crédito da foto: iG

No dia 20 de outubro de 2010, Mário Gobbi, então diretor de futebol do Timão, apresentou Tite como treinador da equipe. Crédito da Foto: iG

Exigindo empenho de seus comandados, no Beira-Rio, em 2009. Foto: VIPCOMM

No dia 12 de junho de 2008, Tite comandou o primeiro treino no Inter. À frente dele, está o argentino Guiñazú. Foto: Site Oficial do Internacional

Tite durante um Grenal do dia 28 de agosto de 2008 pela Copa Sul-americana, no estádio Olímpico. Desta vez, ele levou a melhor pelo lado vermelho, já que o resultado de 2 a 2 da partida eliminou o Grêmio da competição continental.

Da esquerda para a direita, no Terceiro Tempo da Record: o técnico Tite, Daniela Freitas, Branco, Milton Neves e Oscar.

Time do Guarani da primeira partida da final do Brasileirão de 1986. Em pé: Sérgio Neri, Marco Antônio, Ricardo Rocha, Fernando Narigudo, Tosin e Zé Mário. Agachados: Chiquinho Carioca, Tite, Evair, Marco Antônio Boaideiro e João Paulo. Ligeirinho era o repórter que tentava ouvir Sérgio Neri. Tatá Muniz entrevistava Zé Mário

Esta foto é da final de 1986, entre Guarani e São Paulo. Deu Tricolor, nos pênaltis, após dois empates. 1 a 1 no tempo normal e 2 a 2 na prorrogação.

Dois momentos de Tite

Pelo Caxias, primeiro clube pelo qual atuou (entre 1978 e 1984), posando para foto no Estádio Centenário, em Caxias do Sul (RS). Foto: Divulgação

Tite durante o 3º Tempo da Band em 13 de dezembro de 2020. Milton Neves exibiu a primeira participação de Tite no `SuperTécnico´, também da Band

Tite durante o "Donos da Bola" da Rádio Bandeirantes em 8 de dezembro de 2020, respondendo pergunta de Milton Neves. Foto: Reprodução

Tite, o convidado de Ricardo Capriotti e Neto no "Donos da Bola" da Rádio Bandeirantes em 8 de dezembro de 2020. Foto: Reprodução

Imagem rara de um confronto entre a Portuguesa e o Santa Cruz no Canindé, pelo Campeonato Brasileiro nos anos 80. Ewerton, o goleiro da Portuguesa, está no chão. Os outros jogadores da Lusa são Cláudio e Tite. Foto: arquivo pessoal de Ewerton

Técnico João Vallim conversa com Tite. Foto: Reprodução Facebook/João Vallim

Tite e o técnico João Vallim, que trabalhou na base do Corinthians em 2016. Foto: Reprodução Facebook/João Vallim

Tite e Airton Ravagniani em abril de 2018, em Santa Isabel-SP. Foto: arquivo pessoal de Airton Ravagniani

Reencontro de Fábio Carille e Tite na Arábia Saudita em 15 de outubro de 2018. Foto: arquivo pessoal de Fábio Carille

Paulo Nobre, então presidente do Palmeiras, presenteia Tite com uma camisa do Alviverde em 13 de julho de 2016, no Allianz Parque

Tite e o empresário Marcelo Reis, da Quantum Celulares, em maio de 2018. Foto: arquivo pessoal de Marcelo Reis

Edu Gaspar e Tite acompanham, no Estádio Nilton Santos, o jogo Botafogo 1 x 1 Palmeiras pela primeira rodada do Campeonato Brasileiro de 2018, em 16 de abril do mesmo ano. (Foto: Reprodução - Instagram @cbf_futebol)

A seleção de Tite reunida na Rússia para amistoso em março de 2018

Tite e Edu Gaspar a caminho da Rússia no dia 28 de novembro de 2017, para conhecer em qual grupo a Seleção Brasileira irá cair na Copa do Mundo de 2018. Foto: Reprodução/Instagram

Carlos Alberto Parreira, Zé Mário e Tite em agosto de 2017. Foto: arquivo pessoal de Zé Mário

Time do Caxias-RS, no início dos anos 80, com dois jogadores que se tornariam técnicos da seleção brasileira. Em pé, Felipão é o quarto da esquerda para a direita. Agachado, Tite é o primeiro, também da esquerda para a direita. Foto: Reprodução/UOL

Tite fazendo sua primeira campanha publicitária, em maio de 2017, para a Universidade Uninassau. Foto: site oficial da Uninassau

Marcelo Cury, Flávio Prado e Tite. Foto: arquivo pessoal

Dr. Jorge Kalil e o técnico Tite, em 2017. Foto: reprodução

Tite e Michelle Giannella em 09 de abril de 2017, dia em que o treinador participou do `Mesa Redonda´ na TV Gazeta. Foto: arquivo pessoal de Michelle Giannella

Tite e Bia Figueiredo. Encontro em 8 de fevereiro de 2017, durante convenção da Ipiranga. Foto: arquivo pessoal de Bia Figueiredo

O técnico Tite e o jornalista Fernando Fernandes. Foto: arquivo pessoal

Tati Saad e o técnico Tite, em 2015. Foto: reprodução

Nivaldo de Cillo e o técnico Tite. Foto: reprodução

Frank Fortes, Tite e Leandro Quesada. Foto: reprodução

Edu Gaspar, Carlos Alberto Parreira, Tite e Zagallo, na casa do "Velho Lobo", no Rio de Janeiro. A visita aconteceu no dia 24 de agosto de 2016

Rogério Micale e Tite em 2016, durante preparação da seleção olímpica para os Jogos do Rio de Janeiro. Foto: UOL

Que encontro! Jaimão e Tite, que na época, era técnico do Corithians. Foto enviada por Jaimão

Em 20 de junho de 2016, dia em que Tite foi apresentado oficialmente como técnico da seleção brasileira, ao lado de Edu Gaspar, coordenador técnico. Foto: Reprodução/BOL

Em 20 de junho de 2016, dia em que foi apresentado oficialmente como técnico da seleção brasileira. Foto: Reprodução/BOL

O jornalista Marcelo Duarte e Tite na noite de 30 de maio de 2016 na Livraria Saraiva do Shopping Pátio Paulista, quando foi lançado o livro `Tite´da jornalista Camila Mattoso. Foto: Marcos Júnior Micheletti/Portal TT

Na noite de 30 de maio de 2016 na Livraria Saraiva do Shopping Pátio Paulista, quando foi lançado o livro `Tite´da jornalista Camila Mattoso. Foto: Marcos Júnior Micheletti/Portal TT

Na noite de 30 de maio de 2016 na Livraria Saraiva do Shopping Pátio Paulista, quando foi lançado o livro `Tite´da jornalista Camila Mattoso. Foto: Marcos Júnior Micheletti/Portal TT

Tite reencontra seu profesor de handebol na noite de 30 de maio de 2016 na Livraria Saraiva do Shopping Pátio Paulista, quando foi lançado o livro `Tite´da jornalista Camila Mattoso. Foto: Marcos Júnior Micheletti/Portal TT

Camila Mattoso, autora do livro `Tite`em 30 de maio de 2016, na Livraria Saraiva do Shopping Pátio Paulista.Foto: Marcos Júnior Micheletti/Portal TT

Marcelo Duarte e Tite na noite de lançamento do livro `Tite´, da jornalista Camila Mattoso, em 30 de maio de 2016, na Livraria Saraiva do Shopping Pátio Paulista.Foto: Marcos Júnior Micheletti/Portal TT , autora do livro `Tite`ao lado de Tite e do jornalista Luciano Signorini na noite de 30 de maio de 2016, na Livraria Saraiva do Shopping Pátio Paulista.Foto: Marcos Júnior Micheletti/Portal TT

Camila Mattoso, autora do livro `Tite`ao lado de Tite e do jornalista Luciano Signorini na noite de 30 de maio de 2016, na Livraria Saraiva do Shopping Pátio Paulista.Foto: Marcos Júnior Micheletti/Portal TT

Tite e a jornalista Camila Mattoso, que escreveu o livro `Tite`. O encontro aconteceu na noite de lançamento da obra, em 30 de maio de 2016 na Livraria Saraiva do Shopping Pátio Paulista.. Foto: Marcos Júnior Micheletti/Portal TT

Tite cumprimenta a jornalista Camila Mattoso, que escreveu o livro `Tite`. O encontro aconteceu na noite de lançamento da obra, em 30 de maio de 2016 na Livraria Saraiva do Shopping Pátio Paulista.. Foto: Marcos Júnior Micheletti/Portal TT na Livraria Saraiva do Shopping Pátio Paulista.. Foto: Marcos Júnior Micheletti/Portal TT

Tite em 1997, então técnico do Juventude-RS. Foto: Nereu de Almeida (Pioneiro)

Em 1997, técnico do Juventude. Foto: Roni Rigon (Pioneiro)

Tite, Basílio e Tinga em 2003, durante treino do Grêmio. Foto: Acervo Histórico do Grêmio

Milton Neves no Terceiro Tempo da Band e acompanhando a coletiva do técnico Tite, no dia 14 de fevereiro de 2016. Foto enviada por Sandra Cristina

Milton Neves no Terceiro Tempo da Band e acompanhando a coletiva do técnico Tite, no dia 14 de fevereiro de 2016. Foto enviada por Sandra Cristina

Milton Neves no Terceiro Tempo da Band e acompanhando a coletiva do técnico Tite, no dia 14 de fevereiro de 2016. Foto enviada por Sandra Cristina

Beto Hora e Tite em janeiro de 2016, na Flórida

Tite teve boa passagem pelo São Caetano, entre 2003 e 2004, quando formou a equipe que meses mais tarde seria campeõa paulista sob comando de Muricy Ramalho. Foto> Reprodução

Tite com Guilherme e Matheus Biteco, no Grêmio, em 2001. Foto: Arquivo pessoal

Vitor Guedes e Tite, em março de 2015. Foto: Reprodução/Facebook

Homenagem da torcida corintiana a Tite, em 2013. Foto: Daniel Augusto Jr.

Em 2013, Emerson Sheik fez campanha pela permanência de Tite no Corinthians. Foto: Daniel Augusto Jr.

Alessandro e Tite comemoram o segundo título mundial do Corinthians, em 2012. Foto; Daniel Augusto Jr.

Tite ajuda a levar a bagagem da rouparia corintiana durante a viagem para o Japão. Foto: Daniel Augusto Jr.

Treino do Corinthians em Dubai, em 2012. Foto: Daniel Augusto Jr.

Tite se concentra antes da partida entre Corinthians e Boca Juniors, válida pela final da Libertadores-2012. Foto: Daniel Augusto Jr.

Tite deixa o gramado do Pacaembu, em 2012. Foto: Daniel Augusto Jr.

Tite em mais um treinamento corintiano, em 2012. Foto: Daniel Augusto Jr.

Tite durante um treinamento do Corinthians, em 2012. Foto: Daniel Augusto Jr.

Tite em 2012, durante a campanha vitoriosa da Libertadores da América. Foto: Daniel Augusto Jr.

Tite reza antes de mais um treino do Corinthians, em janeiro de 2013. Foto: Daniel Augusto Jr.

Tite comemora o apito final da partida Corinthians 1 x 0 Chelsea, na final do Mundial de Clubes de 2012. Foto: Daniel Augusto Jr.

O técnico Tite viajando para o Japão, em 2012, para a disputa do Mundial de Clubes. Foto: Daniel Augusto Jr.

No CT Joaquim Grava, em 2012, Tite brinca com um gavião que estava "conferindo" o treino do Corinthians. Foto: Daniel Augusto Jr.

Pintor? Nada disso! Tite arma a equipe do Corinthians para o primeiro jogo da final da Libertadores-2012, diante do Boca Juniors, na Argentina. Foto: Daniel Augusto Jr.

Comemoração do título brasileiro de 2011. Em pé, da esquerda para a direita: Jorge Henrique, Edenilson, Ralf, Leandro Castán, Weldinho e Emerson Sheik. O técnico Tite aparece sentado. Foto: Daniel Augusto Jr.

No vestiário do Estádio Presidente Vargas, Andrés Sanchez observa Tite, em 16 de novembro de 2011. Foto: Daniel Augusto Jr.

Tite durante a partida entre Cruzeiro e Corinthians, disputada na Arena do Jacaré, em Sete Lagoas-MG, em 2011. Foto: Daniel Augusto Jr.

Antes da primeira rodada do Brasileirão-2011, em 22 de maio de 2011, no Estádio Olímpico. O técnico Tite, ao centro, conversa com Moradei, Liedson, Paulo André, Morais, Jorge Henrique, Edno, Cleber Xavier, Leandro Castán e Danilo. Foto: Daniel Augusto Jr.

O jornalista Vitor Guedes e o técnico Tite

Guarani de Campinas. Da esquerda para a direita, Tite, jogador não identificado e Neto

Nos anos 80 e em 30 de janeiro de 2012

Tite jogou no Guarani de Campinas entre 1986 e 1989, sendo vice-campeão do Campeonato Brasileiro de 1986 e do Campeonato Brasileiro de 1987 (Copa União). Foto enviada por Carlos Batista

Milton Neves e Tite, em janeiro de 2015, em Fort Lauderdale-EUA

Tite é entrevistado por Milton Neves, em janeiro de 2015, em Fort Lauderdale-EUA

Da esquerda para a direita, Tite, Rogério Assis e Vagner Mancini. Foto enviada por Rogério Assis

Tite e Mário

Tite, então técnico do Corinthians, e Herói posaram para a foto no CT Joaquim Grava. Foto: Reprodução/Facebook

Tite e Mário Quaranta, em 2014

Tite jogou pela Portuguesa de Desportos entre 1985 e 1986. Na imagem, no Canindé, ele comemora após marcar um gol. Foto enviada por Emílio A. Duva

Palestrando em convenção da Band, em março de 2014

Palestrando em convenção da Band, em março de 2014