PUBLICIDADE
Topo

Esporte

'Sabia que ia perder': Mulher de Ali revela pessimismo em 'Luta do Século'

Joe Frazier (esquerda) tentar acertar um soco em Muhammad Ali durante a primeira luta entre os dois, em 1971 - John Shearer/The LIFE Picture Collection via
Joe Frazier (esquerda) tentar acertar um soco em Muhammad Ali durante a primeira luta entre os dois, em 1971 Imagem: John Shearer/The LIFE Picture Collection via

Do UOL, em São Paulo

08/03/2021 23h51

Cinquenta anos após Muhammad Ali subir no ringue para enfrentar Joe Frazier na chamada 'Luta do Século', a maior luta de boxe da história, Khalilah Ali ainda se lembra do que vestiu.

Esposa do lutador norte-americano à época, ela afirmou que foi ao Madison Square Guarden em 8 de março de 1971, em Nova York, toda de preto, porque "sabia que ele ia perder".

"Ele disse: 'Por que você faria isso?'", lembrou, em entrevista ao USA Today. "Eu disse: 'Deixe-me dizer uma coisa, você não tem treinado da maneira que deveria. E sabe de uma coisa? É hora de você perder. Vou apenas sentar e assistir'".

Ali vinha de uma série de 31 vitórias com 25 nocautes, enquanto Frazier tinha 26 vitórias e nenhuma derrota em seu cartel, sendo 23 nocautes. Após 15 assaltos, a decisão dos jurados foi unânime em favor de Frazier.

Depois do episódio, Ali e Frazier voltaram a se enfrentar em outras duas ocasiões - em 1974 e 1975.

Errata: o texto foi atualizado
Diferentemente do que foi publicado, Ali e Frazier voltaram a lutar em 1974, e não em 1774. O erro foi corrigido.

Esporte