PUBLICIDADE
Topo

Flagra: mais requintado, Caoa Chery Tiggo 8 Pro já está em testes no Brasil

José Antonio Leme

Do UOL, em São Paulo (SP)

27/04/2021 14h01

A Caoa Chery segue com o desenvolvimento e produção de SUVs no Brasil. A empresa, que anunciou a chegada do Tiggo 3 para o mês de maio, já testa um novo modelo para o andar de cima da categoria. O flagra é do @abandonados.br.

O modelo flagrado é o Tiggo 8 Pro, que na China é chamado de Tiggo 8 Plus. O modelo é uma versão mais completa e requintada do Tiggo 8 que temos por aqui e com um design diferenciado, tanto na dianteira quanto na traseira.

Mesmo com a camuflagem pesada é possível reconhecer alguns detalhes do produto. Além disso, o design das rodas do carro flagrado é o mesmo do 8 Pro das imagens.

As lanternas separadas, sem a ligação pela barra iluminada, é um dos detalhes que saltam e chamam a atenção. O vinco pronunciado nas laterais também é o mesmo do Tiggo 8. A placa sai do para-choque, que é novo, e sobe para o centro da tampa do porta-malas.

Na dianteira tudo muda. Os faróis são mais estreitos e as luzes de LEDs tem nova disposição. A grade também fica mais elegante e discreta. Com formato octagonal, perde os grandes blocos e adota pontos cromados que dão a sensação de efeito 3D, além do logo menor. O para-choque também é novo e com luzes de neblina menores.

Mais equipamentos e motor mais potente

Ele também terá novidades em termos de equipamentos. O Tiggo 8 Pro terá oito airbags contra seis do Tiggo 8 "normal". Há ainda ar-condicionado digital com três zonas, enquanto o Tiggo 8 tem duas.

Com os mesmos sete lugares, o interior tem acabamento mais requintado e combinação de couro marrom e preto nos bancos e portas. Os bancos dianteiros têm ajuste elétrico em ambos, além de aquecimento e resfriamento.

O painel tem novas saídas de ar-condicionado e a principal novidade são as telas duplas, que juntas tem 24,6 polegadas e formam o painel de instrumentos virtual e a central multimídia. A lógica é a mesma de alguns modelos da Mercedes-Benz.

O volante multifuncional ganhou opção de trocas de marchas por aletas atrás do volante, que o Tiggo 8 não oferece. O interior terá mais opções de cores na iluminação personalizável com 64 LEDs. A função de associar a luz ao modo de condução ou ao ritmo da música continuará disponível.

O motor é o mesmo 1.6 turbo com injeção direta de combustível, mas no Tiggo 8 ele entrega 187 cv e 28 mkgf, enquanto no Pro os números sobem para 197 cv e 29,5 mkgf. O câmbio é o mesmo automatizado de dupla embreagem e sete velocidades.