Topo

Movimento

Inspiração pra fazer da atividade física um hábito


Movimento

Corredoras melhoram tempo em provas ao usar suplemento criado para mulheres

iStock
Imagem: iStock

Do VivaBem, em São Paulo

21/01/2018 14h04

Se você é mulher e deseja acelerar o ritmo ao correr, pode querer investir nessa “poção mágica”. Um novo estudo descobriu que mulheres que tomaram por um mês uma mistura preparada especialmente com minerais e nutrientes tiveram melhora nos tempos de corridas de 5 km.

Além dos benefícios na corrida, as voluntárias tiveram melhorias nas distancias alcançadas em 25 minutos de bicicleta e em um terceiro teste, onde fizeram exercícios de step, de acordo com a pesquisa, feita pela Universidade Estadual de Ohio e publicada no periódico Society of Sports Nutrition.

Veja também:

Na primeira avaliação, 28 mulheres de 18 a 30 anos foram divididas em dois grupos: metade tomou o suplemento e a metade bebeu um placebo.

A bebida inclui formas de ferro, cobre e zinco, além de carnitina (derivada do aminoácido) e fosfatidilserina (composta de ácidos graxos e aminoácidos). As participantes foram aconselhadas a polvilhar o suplemento em uma bebida de sua escolha duas vezes ao dia.

Quem não teve acesso a bebida continuou com os mesmos tempos e distâncias. Porém, aquelas que ingeriram o suplemento tiveram, em média, uma queda de um minuto para completar corridas de 5 km, conseguiram pedalar quase 1 km a mais em 25 minutos de bicicleta, e ainda passaram de 40 passos na aula de step para 44. Todas as mudanças foram estatisticamente significativas.

Um segundo experimento, feito para confirmar os efeitos anteriores e testar uma dose mais baixa de um dos nutrientes, contou com 36 mulheres que tiveram uma diminuição média de 41 segundos nos tempos de corridas.

“Sabemos que mulheres, particularmente as jovens, têm micro deficiências em nutrientes que desempenham um papel importante na forma como as células funcionam durante o exercício”, explicou Robert DiSilvestro, principal autor do estudo. “Elas tendem a comer menos carne que os homens, e a menstruação também desempenha um papel importante na perda mineral”, completou.

Ainda não há data para o lançamento do suplemento, mas a ideia é que custe entre 35 e 40 dólares por um mês de fornecimento. 

SIGA O VIVABEM NAS REDES SOCIAIS

Facebook: https://www.facebook.com/VivaBemUOL/
Instagram: https://www.instagram.com/vivabemuol/
Inscreva-se no nosso canal no YouTube: http://goo.gl/TXjFAy