PUBLICIDADE
Topo

Cidade francesa "se livra" da chuva mediante um decreto

26/02/2018 15h23

Paris, 26 fev (EFE).- Challans, uma cidade francesa na qual chuva é habitual, conseguiu "se livrar" desse problema desde 14 de fevereiro, quando foi aprovado pelo prefeito, Serge Rondeau, um decreto que obriga o sol "a aparecer todas as manhãs".

"O sol tem a obrigação de aparecer a cada amanhã, de segunda-feira a domingo, na cidade de Challans, e por extensão em todo o departamento de Vendée", diz o texto, que aponta que a chuva só está autorizada três noites por semana "para manter o nível do lençol freática".

Em declarações à Agência Efe, Rondeau, regedor independente de centro-direita, relatou que tudo começou quando uma companheira propôs fazer algo para melhorar o tempo, a quem ele encorajou a escrever um texto que finalmente ele acabou assinando, "a modo de piada".

"Tudo deveria terminar aí, mas o administrador do site decidiu postar uma imagem nas redes sociais", contou entre risos este prefeito, que recebeu mensagens desde o Sri Lanka e até a Argentina que pediam que cedesse um pouco de sol em troca de chuva.

Embora alguns tenham criticado a "falta de seriedade", o líder desta cidade de 20 mil habitantes insistiu que a norma foi bem amparada pela maioria, e esclareceu que não tem "poderes sobrenaturais", já que, se for assim, os utilizaria para assuntos mais graves.

"Só espero que não tenhamos que abrir um julgamento quando voltar a chover", brincou hoje Rondeau, cuja cidade, situada no litoral da França, é habitualmente chuvosa.