PUBLICIDADE
Topo

Uber lança em cinco cidades brasileiras ferramenta de gravação de áudio

Getty Images
Imagem: Getty Images

De Tilt

10/02/2020 16h15

A Uber lançou hoje, para aumentar a segurança de usuários e motoristas, a ferramenta U-Áudio em cinco cidades brasileiras: Salvador (BA), Campo Grande (MS), São Luís (MA), Sorocaba (SP) e Uberlândia (MG).

A iniciativa permite que usuários e motoristas parceiros gravem áudios durante viagens dentro da plataforma e usem o arquivo para reportar à Uber qualquer acontecimento em que tenham se sentido desconfortáveis.

A ferramenta pode ser acessada por meio dos recursos de segurança que aparecem no aplicativo durante uma viagem. Quando a viagem se encerra ou por meio do histórico de viagens, tanto o usuário quanto o motorista terão a opção de relatar um incidente de segurança e anexar o arquivo de gravação de áudio em apenas alguns toques.

O áudio permanece criptografado e armazenado diretamente no dispositivo de quem fez a gravação e a Uber só poderá acessá-lo se o motorista ou usuário escolherem compartilhar o arquivo como parte do relato.

Segundo a Uber, depois que o arquivo de áudio criptografado for enviado aos agentes de atendimento do aplicativo, o arquivo será aberto e usado para ajudar a entender melhor o relato do incidente e tomar as medidas apropriadas.

Em algumas situações, uma gravação pode ser utilizada para apoiar os responsáveis pelo atendimento na decisão de desativação do motorista ou usuário, de acordo com o Código de Conduta da Uber. Durante a fase de testes, a ferramenta está sendo configurada para apagar os arquivos de áudio automaticamente após uma semana.

A intenção é que os arquivos possam ser usados para ajudar investigações e até ser compartilhado com as autoridades. O serviço promete que todos os usuários e motoristas receberão um aviso informando que o recurso está disponível e que eles podem estar sujeitos à gravação de áudio.

A Uber afirma que somente ela terá a chave para descriptografar o arquivo, o que poderá ser feito após a denúncia, com o envio do áudio. A gravação não pode ser ouvida no dispositivo do usuário ou motorista, nem compartilhada com terceiros, apenas com a Uber.