PUBLICIDADE

Topo

"Cyberpunk 2077" não terá ambientes procedurais

Divulgação/CD Projekt
Imagem: Divulgação/CD Projekt

Do GameHall

15/01/2019 11h33

Em uma recente entrevista ao site polonês Sector.sk, a desenvolvedora CD Projekt Red compartilhou mais detalhes sobre o aguardado "Cyberpunk 2077", novo projeto da empresa.

Quando questionado sobre se a grande quantidade de prédios altos no jogo poderia afetar a jogabilidade, Philipp Weber, designer-chefe de "Cyberpunk 2077", respondeu que o mundo aberto do game não terá elementos de design procedurais, o seja, feitos automaticamente pela máquina, e sim manualmente pela equipe de produção.

"Você poderá visitar um grande número de edifícios, e as tarefas serão realizadas diretamente neles. Mas não queríamos preencher o jogo com muitas áreas insignificantes. Levaria mais tempo e não faria sentido se o jogador não fizesse nada de interessante. Portanto, nós retiramos os edifícios com coisas sem sentido, processualmente geradas. Nós tentamos criar tudo manualmente para que fizesse sentido", comentou.

Além disso, nessa mesma entrevista Weber confirmou que grandes produções do gênero cyberpunk incentivaram a criação do novo game, como é o caso do livro RPG "Cyberpunk 2020" lançado em 1988, o romance "Neuromancer" ou ainda produções cultuadas como "Blade Runner" e "Ghost in the Shell".

"Cyberpunk 2077" está sendo desenvolvido para PC, PS4 e Xbox One.

Siga o UOL Start no