PUBLICIDADE

Topo

Ubisoft avisa que se dólar chegar a R$ 4, preço dos jogos subirá

Assassin"s Creed Odyssey - Divulgação
Assassin's Creed Odyssey
Imagem: Divulgação

Do GameHall

25/06/2018 09h10

Durante a E3 2018, em Los Angeles, o vice-presidente da Ubisoft na América Latina, Bertrand Chaverot, disse algo nada animador para os jogadores brasileiros que estão aguardando por títulos como "Assassin's Creed Odyssey" e "The Division 2", próximos lançamentos da empresa.

"Se o dólar chegar a R$ 4, teremos de subir os preços dos jogos," revelou Chaverot durante uma entrevista ao Estadão.

VEJA TAMBÉM

De acordo com o francês, a instabilidade da moeda americana pode afetar os planos da Ubisoft no Brasil, onde o a cotação do dólar influencia no valor dos games. Atualmente, a empresa comercializa seus títulos por aqui em mídia física pelo valor de R$ 250.

"O último ano foi bem difícil com a crise econômica e ainda há instabilidade a vista, com as eleições. A situação na América Latina nunca foi tão assustadora", disse Chaverot, que atua na região há dez anos.

O executivo aposta na venda dos jogos pela internet para contornar os problemas atuais, as questões estruturais brasileiras e as dificuldades em logística e distribuição.

"Quando vendemos um jogo pelo varejo, ficamos só com 25% do valor total do game. No digital, essa margem sobe para 70%", explicou. Com isso, ele afirma que a Ubisoft pode cortar 20% do preço na venda dos lançamentos em formato digital, comercializados a R$ 200 no Brasil.

"Com o digital, não preciso pensar em ICMS ou greve dos caminhoneiros", disse Chaverot, afirmando que também está investindo bastante em eSports e na realização de eventos para atrair novos públicos para jogar videogame.