PUBLICIDADE

Topo

"Destiny" de PS4 atrasa no Brasil por problemas com importação

Pablo Raphael

Do UOL, em São Paulo

01/09/2014 18h29

Proprietários do PlayStation 4 que querem jogar "Destiny" já no lançamento, marcado para o dia 9 de setembro, terão que optar pela cópia digital aqui no Brasil. A versão em disco do jogo vai atrasar por aqui e a Activision não tem previsão para o game chegar às lojas.

Procurada por UOL Jogos, a Activision informou que o atraso se deve à importação do jogo. A publisher afirmou que as cópias de Xbox One, Xbox 360 e PlayStation 3 de "Destiny", produzidas localmente, estarão nas lojas brasileiras a partir do dia 9, próxima terça-feira.

Veja a seguir o comunicado da Activision:

"A Activision está sempre trabalhando para distribuir os seus jogos para os fãs brasileiros na mesma data de lançamento global. Infelizmente, devido a desafios ligados à importação, já que ainda não estão sendo fabricadas no Brasil, as cópias físicas de Destiny para PlayStation 4, sofrerão um atraso para chegar às lojas. Acrescentamos que as cópias para PlayStation 3, Xbox One e Xbox 360 estão dentro do prazo e chegarão às lojas no dia 9 de setembro, pois não dependem de importações, por já serem fabricadas no Brasil."

"Destiny" está disponível para pré-venda tanto nas lojas especializadas quanto nas lojas online dos consoles PlayStation e Xbox. Dublado e legendado em português, o game sai por R$ 200 em ambos os casos.

ASSISTA AO TRAILER DE LANÇAMENTO DE "DESTINY"

  •  

Aventura espacial

"Destiny" é o primeiro jogo multiplataforma produzido pela Bungie, estúdio que criou a série "Halo" e foi uma das maiores responsáveis por popularizar o gênero FPS nas últimas duas gerações de consoles. O jogo combina tiro em primeira pessoa com elementos típicos de RPGs online, com interação social, personalização de trajes e equipamentos e uma trama de ficção-científica empolgante.

O game traz tiroteios cooperativos, multiplayer competitivo e uma ambientação de ficção-científica, onde os heróis conhecidos como Guardiões devem proteger a última cidade da Terra de invasores que conquistaram o sistema solar.

Com um plano de 10 anos para a franquia, a Bungie pretende fazer de "Destiny" uma obra tão impactante na cultura pop quanto "Star Wars" e "O Senhor dos Anéis".

Destiny
Destiny
#albumEmbed015('tagalbum','64205+AND+59652')