PUBLICIDADE

Topo

Em game de corrida, filho disputa contra o pai morto há mais de dez anos

do Gamehall

31/07/2014 16h13

Videogames podem proporcionar experiências espirituais? Essa foi a questão levantada por Jamin Warren, apresentador do canal do Youtube PBS Game/show, para sua audiência.

O episódio em questão foi inspirado por uma pesquisa que mencionava experiências espirituais em "World of Warcraft" e rapidamente se tornou um dos mais populares vídeos do canal. Tudo graças ao comentário do espectador "00WARTHERAPY00".

"Quando eu tinha 4 anos de idade, meu pai comprou um Xbox. Aquele primeiro, pesadão, de 2001. Nos divertíamos muito jogando vários jogos, juntos, até que ele faleceu, quando eu tinha 6 anos.

Eu passei 10 anos sem mexer no console. Mas assim que mexi, notei uma coisa.

Nós costumávamos jogar um jogo de corrida, "Rally Sport Challenge". Era até bem legal, pra época que saiu.

Assim que eu comecei a passear pelo jogo, eu encontrei um fantasma.

Literalmente."

Assim como a grande maioria dos jogos de corrida, o modo de disputa contra o relógio de "Rally Sport Challenge", que registra os melhores tempos marcados pelo jogador, acontece com a pista vazia.

No entanto, para apresentar um tipo de referência para jogadores, uma espécie de fantasma ou representação holográfica do carro que marca a volta mais rápida na pista fica registrado, correndo junto com o jogador, em tempo real.

Ou seja, cada vez que 00WARTHERAPY00 entrava na pista, era desafiado pelo "fantasma" do pai.

"Eu joguei, e joguei, e joguei, até estar quase bom o suficiente pra ganhar do fantasma. Até que um dia eu comecei melhor, passei ele e...

Parei bem na linha de chegada, pra ter certeza de que não apagaria ele."

O comentário parecia não querer chamar muita atenção, mas viralizou e passou a ser muito compartilhado pela internet, a ponto de se tornar muito mais popular do que o próprio vídeo que o inspirou.