PUBLICIDADE
Topo

"Deserto Particular", de Aly Muritiba, representará Brasil na disputa por vaga no Oscar

15/10/2021 16h07

Por Patrícia Vilas Boas

SÃO PAULO (Reuters) - O filme "Deserto Particular", do cineasta Aly Muritiba, foi escolhido pelo Comitê Brasileiro de Seleção para representar o Brasil na disputa por uma indicação ao prêmio de melhor filme internacional no Oscar de 2022, informou a Academia Brasileira de Cinema e Artes Audiovisuais nesta sexta-feira.

"Foi uma escolha difícil. Ficamos entre alguns filmes, considerando cinematografia, temas, e, por fim, chegamos a um consenso", disse Leonardo Edde, presidente da comissão, em uma publicação na página oficial da academia no Instagram.

Entre os títulos que concorriam junto à obra de Muritiba para representar o Brasil na luta por uma indicação ao Oscar estavam "A Última Floresta", de Luiz Bolognesi, e "A Nuvem Rosa", da diretora Iuli Gerbase.

"É sempre uma escolha difícil", acrescentou Edde. "Tivemos excelentes filmes inscritos, com uma representação muito diversa de cinematografia brasileira, de diferentes Estados, e todos eles muito engajados."

Em suas redes sociais, Muritiba comemorou a escolha e contou brevemente como foi o processo criativo da obra em conjunto com o roteirista Henrique dos Santos. "Foram longos 6 anos de trabalho para que o filme enfim nascesse para o mundo", disse.

O drama "Deserto Particular" conta a história de um policial de Curitiba apaixonado por uma mulher que vive no sertão da Bahia, e que só conhece virtualmente.

O Oscar 2022 está programado para ocorrer no dia 27 de março em Los Angeles, na Califórnia.