PUBLICIDADE
Topo

Thiago Gagliasso é condenado a pagar R$ 10 mil por divulgar fake news

De Splash, em São Paulo

04/07/2022 10h13Atualizada em 04/07/2022 14h57

Thiago Gagliasso, ator, influenciador e irmão de Bruno Gagliasso, foi condenado a pagar R$ 10 mil em indenização a Adriana Santana de Araújo Rodrigues, mãe de Marlon Santana de Araújo, um dos jovens assassinados na Chacina do Jacarezinho em maio de 2021.

A informação foi publicada inicialmente por Ancelmo Gois, do O Globo, e confirmada por Splash, que teve acesso à decisão.

Na época, Thiago publicou em suas redes sociais uma imagem de uma mulher segurando fuzil e a entrevista dada por Adriana ao RJTV (TV Globo), alegando ser a mesma pessoa. A informação é falsa e foi desmentida pela polícia.

"É evidente que a publicação do Réu atingiu a dignidade da parte Autora, pois além de ironizar o luto pela perda do seu filho, mancharam sua reputação perante a sociedade vinculando-a ao crime. Ademais, o Réu é pessoa pública com grande quantidade de seguidores, o que facilita a propagação do conteúdo", decidiu o juiz José Guilherme Vasi Werner, do II juizado Especial Cível da Barra da Tijuca.

Dessa forma, entendo que a importância de R$ 10.000,00 (dez mil reais) é adequada para compensar a autora, considerando as circunstâncias dos fatos, a condição econômica do Réu e da vítima. Outrossim, é procedente o pedido para que a se retrate, veiculando novas publicações informado o conteúdo desta sentença, bem como a desvinculado a imagem da parte Autora do vídeo em questão.

Além do pagamento da indenização, o influenciador tem o prazo de cinco dias para se retratar em suas redes sociais, sob pena de multa diária de R$ 200,00, limitada ao teto de R$ 2 mil.