PUBLICIDADE
Topo

Novela

Nos Tempos do Imperador

Tudo sobre a novela da Globo


Nos Tempos do Imperador hoje: Pilar teme uma epidemia de cólera na cidade

Pilar (Gabriela Medvedovski) em Nos Tempos do Imperador (Reprodução/TV Globo). - Reprodução / Internet
Pilar (Gabriela Medvedovski) em Nos Tempos do Imperador (Reprodução/TV Globo). Imagem: Reprodução / Internet

Colaboração para o UOL

06/12/2021 01h01

O capítulo de hoje de Nos Tempos do Imperador, novela da Globo escrita por Alessandro Marson e Thereza Falcão, tem como destaque epidemia de cólera, e vai ao ar às 18h20.

Leia abaixo o resumo de Nos Tempos do Imperador de hoje:

Pilar teme que se instale uma epidemia de cólera na cidade. Começa a noite para damas no cassino. Samuel afirma para Olu que desconfia de que Tonico esteja envolvido no sequestro a Pedro. Tonico comenta com Nino que Samuel pode ser amigo do assassino de seu pai. Borges confronta Luísa.

Batista sofre por conta de Lupita, e Nélio garante que a mulher ama o pai. Mais pessoas ficam doentes, e Pilar confirma a epidemia de cólera. Louzada não acredita em Pilar, que pede ajuda a Teresa. Tonico deduz que Samuel estava presente no dia da invasão à fazenda de Ambrósio.


Caxias oferece trégua a Solano, que nega a rendição

Tonico exige que Borges descubra quem ateou fogo a seu jornal. Caxias oferece trégua a Solano, que nega a rendição. Justina, Cândida e Olu temem a possível pena de prisão de Guebo. Zayla afirma a Jamil que alguém precisa assumir o controle dos Guerreiros. Elisa implora que Solano se renda. Tonico é acusado de corrupção na câmara. Samuel rende Filinto. Pressionado, Filinto confessa que atentou contra Pedro a mando de Tonico.

Caxias oferece trégua a Solano, que nega a rendição

Tonico exige que Borges descubra quem ateou fogo a seu jornal. Caxias oferece trégua a Solano, que nega a rendição. Justina, Cândida e Olu temem a possível pena de prisão de Guebo. Zayla afirma a Jamil que alguém precisa assumir o controle dos Guerreiros. Elisa implora que Solano se renda. Tonico é acusado de corrupção na câmara. Samuel rende Filinto. Pressionado, Filinto confessa que atentou contra Pedro a mando de Tonico.