PUBLICIDADE
Topo

Dublê de James Bond em filmes de '007' morre aos 90 anos

Dick Sheppard, dublê de dois filmes de James Bond, morreu aos 90 anos - Reprodução/Facebook
Dick Sheppard, dublê de dois filmes de James Bond, morreu aos 90 anos Imagem: Reprodução/Facebook

De Splash, em São Paulo

04/03/2021 12h56Atualizada em 04/03/2021 13h05

Dick Sheppard, dublê do personagem James Bond em dois filmes da franquia "007" ("Contra a Chantagem Atômica" e "Os Diamantes são Eternos"), morreu aos 90 anos de idade, segundo os jornais britânicos Mirror, The Sun, Metro e The Daily Mail.

O dublê morreu no dia 1º de março. A família dele confirmou a notícia através de um a publicação no Facebook.

"Carinhosamente conhecido por muitos por sua obsessão por carros e motos, ele era realmente um personagem maior do que a vida, que chamou a atenção do público com suas acrobacias ousadas e recordes mundiais. Seu desejo final, no entanto, foi que nós, sua família, pudéssemos sofrer em particular para que possamos refletir sobre seus outros papéis como marido, pai, avô e bisavô", escreveu.

Ele detinha 18 recordes no Guinness Book e estava aposentado desde 1993 das produções cinematográficas de Hollywood.

Dick Sheppard - Reprodução/Facebook - Reprodução/Facebook
Dick Sheppard estava aposentado desde os anos 90
Imagem: Reprodução/Facebook

Segundo o Mirror, Dick já apareceu em mais de 500 filmes e destruiu mais de 2 mil carros em cenas.

Devido ao seu gosto por corridas e acrobacias em motocicletas, ele foi chamado para fazer cenas em filmes de ação nos anos 60 — entre eles "007 Contra a Chantagem Atômica" e, em 1971, "007: Os Diamantes são Eternos" —, como informa a biografia do seu site oficial.

Em ambos os filmes, Sean Connery vivia o papel de James Bond.

Dick ainda trabalhou em "Um Golpe à Italiana", filme de ação com o ator Michael Craine como protagonista.

Dick morava em Gloucester, cidade ao sudoeste da Inglaterra.