PUBLICIDADE
Topo

Mauricio Stycer

Bolsonaro assiste ao pronunciamento de Trump na "inimiga" GloboNews

Conteúdo exclusivo para assinantes
Mauricio Stycer

Jornalista, nascido no Rio de Janeiro em 1961, mora em São Paulo há 29 anos. É repórter especial e crítico do UOL. Assina, aos domingos, uma coluna sobre televisão na "Folha de S.Paulo". Começou a carreira no "Jornal do Brasil", em 1986, passou pelo "Estadão", ficou dez anos na "Folha" (onde foi editor, repórter especial e correspondente internacional), participou das equipes que criaram o "Lance!" e a "Época", foi redator-chefe da "CartaCapital", diretor editorial da Glamurama Editora e repórter especial do iG. É autor dos livros "Adeus, Controle Remoto" (editora Arquipélago, 2016), "História do Lance! ? Projeto e Prática do Jornalismo Esportivo? (Alameda, 2009) e "O Dia em que Me Tornei Botafoguense" (Panda Books, 2011). Contato: mauriciostycer@uol.com.br

Colunista do UOL

08/01/2020 15h53

Podendo optar também pela BandNews e pela Record News, o presidente Jair Bolsonaro escolheu a GloboNews para assistir ao pronunciamento do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, sobre os ataques do Irã contra bases americanas no Iraque.

Em uma live em seu canal, nesta quarta-feira (08), Bolsonaro acompanhou o programa "Edição das 10h", que exibiu, com tradução simultânea, os quase nove minutos do comunicado lido por Trump. Ao final, o presidente brasileiro fez um rápido comentário com críticas à política externa do ex-presidente Lula em relação ao Irã.

O fato não passou despercebido por causa dos comentários agressivos que Bolsonaro frequentemente dirige à Globo, a quem já classificou até como "inimiga", e aos seus jornalistas.

A ironia da situação lembra fato semelhante ocorrido em setembro do ano passado. Recuperando-se de uma cirurgia em um hospital em São Paulo, o presidente divulgou um vídeo em que aparecia assistindo a um episódio de "Chaves" exibido no canal Multishow, do Grupo Globo. O seriado, como se sabe, também é exibido pelo SBT.

Naquele noite, no "Jornal Nacional", o repórter o repórter César Menezes fez questão de registrar, didaticamente: "De manhã, Bolsonaro postou um vídeo numa rede social. Ele estava assistindo TV no Multishow, canal por assinatura da Globosat."