PUBLICIDADE
Topo

Tênis

Morre o tenista australiano Peter Doohan, "o demolidor de Becker"

O tenista Peter Doohan, em 1987, em Wimbledon - Chris Cole/Getty Images
O tenista Peter Doohan, em 1987, em Wimbledon Imagem: Chris Cole/Getty Images

22/07/2017 07h54

O tenista australiano Peter Doohan morreu aos 56 anos em decorrência de uma doença do neurônio motor que tinha sido diagnosticada há nove semanas, segundo informou neste sábado a Federação de Tênis da Austrália.

Doohan ganhou o apelido de "The Becker Wrecker" ("O demolidor de Becker") em 1987, quando venceu o campeão alemão Boris Becker na segunda rodada de Wimbledon por 3 sets a 1 (parciais de 7-6, 4-6, 6-2, 6-4) e frustrou então sua intenção de defender o título no prestigiado torneio inglês.

Durante sua carreira, o australiano conquistou um torneio ATP no individual o Aberto da África do Sul, e outros cinco em duplas.

A melhor posição que alcançou no ranking internacional de individuais foi a 43ª, precisamente no ano que lhe batizaram como "The Becker Wreker".

"Após sua aposentadoria, Peter foi treinador nos Estados Unidos (...) A comunidade do ténis acolheu Peter durante sua batalha contra uma forma particularmente agressiva de doença do neurônio motor que lhe foi diagnosticada há apenas nove semanas", declarou a federação australiana.

Seu funeral acontecerá na sua cidade natal, Newcastle, em Nova Gales do Sul, em uma data que ainda não foi confirmada.
 

Tênis