PUBLICIDADE
Topo

Esporte

WADA suspende laboratório antidoping de Almaty, no Cazaquistão

28/06/2016 12h28

Redação Central, 28 jun (EFE).- A Agência Mundial Antidoping (WADA) retirou nesta terça-feira o credenciamento do laboratório de Almaty, no Cazaquistão, depois que os critérios de controle de qualidade se tornaram mais rígidos.

A suspensão de quatro meses imposta pelo órgão internacional, se junta as que vigoram contra os centros de análises do Rio de Janeiro, Madrid, Lisboa, Pequim e Bloemfontein (África do Sul).

De acordo com a WADA, o endurecimento das normas para funcionamento dos laboratórios visam "garantir que estes "cumpram nível mais alto de exigências".

Com a punição, o centro de controle de Almaty não poderá analisar mostras de sangue ou urina. Além disso, todas as amostras colhidas deverão ser transferidas para instalações credenciadas em, até, 14 dias.

Durante o período da suspensão, o laboratório terá que solucionar todas as irregularidades detectadas em vistorias da WADA e de órgãos independentes. Caso o faça antes do fim dos quatro meses, poderá solicitar nova análise para encerrar a pena.

A punição imposta pela Agência Mundial Antidoping é passível de recurso, em até 21 dias, nas Corte Arbitral do Esporte (CAS).

Esporte