PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Rei do saibro de Mônaco: Nadal vence Monfils e é eneacampeão em Monte Carlo

17/04/2016 14h05

Redação Central, 17 abr (EFE).- Após ficar quase dois anos sem sentir o gosto de vencer um torneio da série Masters 1000, o espanhol Rafael Nadal quebrou o jejum neste domingo ao vencer o francês Gael Monfils na final em Monte Carlo, sagrando-se eneacampeão no saibro do principado.

Na 100ª final da carreira, Nadal bateu Monfils por 2 sets a 1, com parciais de 7-5, 5-7 e 6-0, em 2h46min de partida, e repetiu pela 68ª vez seu tradicional gesto de morder um troféu.

Depois de um momento de baixa, o 'Rei do Saibro' volta a colocar os números a seu favor. Ele não vencia um Masters 1000 desde maio de 2014, quando levou a melhor em Madri, e agora volta a ser o maior campeão de competições desta série junto com o sérvio Novak Djokovic, com 28 títulos cada.

Já Monfils bateu na trave pela terceira vez na tentativa de chegar a uma conquista desse porte. O francês já havia sido vice em Paris duas vezes, em 2009, com derrota para Djokovic, e em 2010, caindo diante do sueco Robin Söderling.

Os dois tenistas tiveram dificuldade no saque desde o começo da partida. No primeiro set, houve duas quebras para cada lado até o empate em 5-5. Nadal, quinto colocado do ranking mundial, confirmou, enquanto o número 16 do mundo perdeu o serviço com uma dupla falta e foi derrotado por 7-5.

No segundo set, o cenário se repetiu, e houve empate em 5-5 após quatro quebras de saque no total. Mas desta vez foi Monfils quem aproveitou uma chance de quebra, fez 6-5 e fechou na sequência.

A última parcial foi toda de Nadal, que demonstrou menos cansaço que o adversário. O espanhol continuou trabalhando melhor os pontos, enquanto o francês tentava, em uma tática suicida, encurtar os pontos, mas errava muito.

O 'Rei do Saibro' honrou o apelido com um "pneu", com direito a uma linda paralela no match point. Campeão pela primeira vez em Monte Carlo desde 2012, Nadal comemorou de joelhos e se mostrou bastante emocionado.

Na final das duplas, o brasileiro Bruno Soares e o britânico Jamie Murray foram derrotados pelos franceses Pierre-Hugues Herbert e Nicolas Mahut por 2 a 1, com 4-6, 6-0 e 10-6.

Esporte