PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Jones aposta em volta por cima de McGregor e o convida para treinos: "Pode mover montanhas"

Ag. Fight

05/12/2021 11h49

Conor McGregor e Jon Jones possuem semelhanças. Ao mesmo tempo que os lutadores são dois dos principais nomes da história do esporte e ex-campeões do UFC, também dividem a opinião da comunidade do MMA, já que costumam protagonizar episódios polêmicos fora do octógono. Tanto que uma parte dos fãs questiona se, de fato, a dupla ainda reúne o que é necessário para competir em alto nível. Sendo assim, 'Bones' saiu em defesa de 'Notorious'.

Ao realizar uma sessão de perguntas e respostas em sua redes sociais (veja abaixo ou clique aqui e aqui), Jones foi questionado por um fã se McGregor ainda tem condição de voltar a ser campeão do UFC após sua lesão na perna sofrida na trilogia contra Dustin Poirier, realizada em julho. Sem titubear, o antigo rei dos meio-pesados (93 kg) cravou que sim, muito por conta da dedicação e do talento de um atleta que conquistou o cinturão do peso-pena (66 kg) e do peso-leve (70 kg).

Além disso, como 'Bones' passou a treinar com Henry Cejudo na academia 'Fight Ready', localizada no Arizona (EUA), abriu as portas da equipe para recepcionar o astro irlandês, caso este decida se aventurar em um novo time. A curiosidade é que Jones e McGregor, constantemente, discutem com diversos lutadores, até mesmo de categorias diferentes das que atuam, mas o mesmo não se aplica em relação a um com o outro. Pelo contrário, os ex-campeões do UFC adotam uma postura respeitosa, justamente, por seus feitos no MMA.

"Com a equipe certa de pessoas, com certeza, você nunca pode ignorar alguém como ele. Com toda a sua energia no lugar certo, aquele homem poderia mover montanhas. Ele está mais perto. Um atleta como McGregor colaborando com Cejudo e os caras...", escreveu o ex-campeão do UFC em sua conta oficial no 'Twitter'.

Apesar de ser um dos maiores lutadores da história do MMA, o momento de Jon Jones no UFC não é bom e seu futuro na organização é incerto. Após anunciar que subiria para o peso-pesado, 'Bones' focou em sua preparação e, visivelmente, seu corpo sofreu mudanças. Dessa forma, o retorno do atleta aos meio-pesados, categoria que dominou, é inviável.

Com esse cenário, para permanecer na atual divisão e enfrentar Francis Ngannou ou Ciryl Gane pelo título, o americano terá que aceitar o valor que Dana White está disposto a pagar ou convencer o cartola a valorizar seu passe, algo que parece improvável.

With the right team of people, absolutely, you can never count out someone like him. With all of his energy in the right place, that man could move mountains, he's a closer https://t.co/cugG5j7xZU

- BONY (@JonnyBones) December 4, 2021

An athlete like Connor collaborating with Henry and the guys ? https://t.co/P9oWOPH7yn

- BONY (@JonnyBones) December 4, 2021

Esporte