PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Miles Bridges, do Charlotte Hornets, é preso por violência doméstica

01/07/2022 17h29

Los Angeles, 1 Jul 2022 (AFP) - O ala Miles Bridges, do Charlotte Hornets, foi preso pelo crime de violência doméstica contra sua esposa, que publicou imagens nas redes sociais com ferimentos no rosto e no corpo.

Em um comunicado emitido nesta sexta-feira, a polícia de Los Angeles confirmou que o jogador foi detido há dois dias e libertado sob o pagamento de uma fiança de US$ 130 mil.

Bridges foi preso por "violência contra a parceira com lesões" em um incidente ocorrido na última segunda-feira na cidade californiana, acrescentou a nota da polícia.

A esposa do jogador, Mychelle Johnson, publicou no Instagram fotos que mostram aparentes lesões no pescoço, orelha, pulso e nariz.

"Odeio que tenha chegado a este ponto, mas já não posso ficar calada", escreveu Mychelle. "Permiti que alguém destruísse minha casa, abusasse de mim de todas as formas possíveis e que traumatizasse nossos filhos pelo resto da vida".

A prisão de Bridges, cestinha dos Hornets na última temporada, com média de 20,2 pontos por partida, ocorreu na mesma semana da abertura do mercado de agentes livres da NBA, no qual o jogador esperava propostas para continuar em Charlotte ou assinar por outra franquia.

Tanto a NBA, através do porta-voz Mike Bass, como os Hornets se limitaram a dizer que estão coletando mais informações sobre o caso.

"O Charlotte Hornets está ciente da situação que envolve Miles Bridges. Estamos no processo de reunir informações adicionais. Não temos mais comentários neste momento", disse em um comunicado a franquia, que pertence ao astro Michael Jordan.

Bridges, de 24 anos, foi draftado pelos Hornets em 2018 e é um dos pilares da equipe, ao lado do talentoso armador LaMelo Ball.

js-gbv/ol/cb

Esporte