PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Conte pede a Mourinho que para de falar do Chelsea

19/10/2017 13h32

Londres, 19 Out 2017 (AFP) - O técnico do Chelsea, Antonio Conte, pediu a José Mourinho para que pare de falar do clube londrino e se concentre no próprio time, o Manchester United, depois do treinador português ironizar comentários do colega italiano.

Depois da vitória do United fora de casa contra o Benfica (1-0), na quarta-feira pela Liga dos Campeões, Mourinho cutucou Conte, que na semana passada se queixou do calendário do Chelsea e do alto número de jogadores lesionados na equipe (Kanté, Drinkwater, Moses e Morata).

"Eu nunca falo de lesões. Outros treinadores choram e choram quando um jogador se lesiona. Se quisesse poderia chorar por cinco minutos aqui como outros fazem", ironizou Mourinho em coletiva de imprensa, antes de citar os jogadores lesionados em seu time (Ibrahimovic, Fellaini, Pogba e Rojo).

Conte não tardou em responder a Mourinho, ex-técnico do Chelsea, durante sua própria coletiva de imprensa após o empate do clube londrino com a Roma (3-3), na quarta-feira.

"Se isso era dirigido a mim, a resposta é essa: ele precisa se preocupar primeiro com seu time e com ele mesmo antes de falar dos outros", criticou um incomodado Conte ao ser questionado sobre as declarações que Mourinho havia dado minutos antes em Lisboa.

"Mourinho se importa demais com o que acontece no Chelsea. Na temporada passada também foi assim. Ele precisa olhar para o que está acontecendo na sua própria equipe", enfatizou o italiano.

Não é o primeiro bate-boca entre os dois treinadores. Em março, os dois precisaram ser separados pelo quarto árbitro da partida entre Chelsea e United após trocarem farpas à beira do campo.

mam/ah/am

SPORT LISBOA E BENFICA - FUTEBOL

Esporte