PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Washington admite conversa com diretoria da Ponte e mostra interesse

27/09/2018 19h13

O ex-atacante de futebol, Washington, com passagens por Fluminense, São Paulo, Atlético-PR, pode está indo para parte administrativa de clube. Após demitir o técnico Marcelo Chamusca, o presidente José Armando Abdalla procurou o ex-atleta para conversar sobre seu interesse. O cargo de coordenador técnico foi posto em questão, porém nada definido.

- Nesse encontro, cogitou-se o cargo de coordenador técnico da Ponte Preta. É uma condição que ficaria muito feliz. Tenho uma história muito bonita na Ponte. Meu nome é muito vinculado à Ponte. Surgiu essa possibilidade, ficou na conversa, ela não tomou corpo. Quem sabe uma possibilidade futura para voltar à Ponte em outra função - disse Washington, em entrevista à Rádio Central, de Campinas, nesta quinta-feira.

Além disso, Washington disse que se sentiria honrado para fazer função e se mostrou aberto para assumir o cargo. Lembrando, que em campo, já atuou com a camisa da Ponte Preta, no início dos anos 2000.

- Foi uma conversa positiva, mas superficial. Quem sabe, se essa conversa for aprofundada, pode ter uma volta à Ponte. Pela identificação e pelo carinho que tenho, tem essa vontade de retornar. A gente conversaria, ficaria honrado e, claro aceiteria o convite. Se receber (o convite), estarei de alma aberta - comentou Washington, que teve duas experiências como treinador neste ano, no Vitória da Conquista-BA e também no Itabaiana-SE - complementou.

Em momento de crise, um dos ídolos do clube retornar seria importante para recuperar a confiança dentro da competição e dos gramados. Além disso, é reconhecido no futebol brasileiro.

Esporte