Topo

Esporte


Argentina escala Messi e Dybala juntos; Chile muda time por 3º lugar

REUTERS/Pilar Olivares
Imagem: REUTERS/Pilar Olivares

Diego Salgado, José Edgar de Matos e José Eduardo Martins

Do UOL, em São Paulo (SP)

06/07/2019 14h57

Argentina e Chile vão levar "a sério" a disputa do terceiro lugar da Copa América. Pelo lado da equipe alviceleste, derrotada pelo Brasil na semifinal, o técnico Lionel Scaloni escalou Lionel Messi e Paulo Dybala juntos para o jogo de hoje na Arena Corinthians. Os chilenos, por outro lado, contarão com Arturo Vidal, Alexis Sánchez e suas principais estrelas no confronto.

A Argentina entra em campo na cidade de São Paulo com Armani; Foyth, Pezzella, Otamendi e Tagliafico; Paredes, De Paul e Lo Celso; Messi, Agüero e Dybala. A equipe só não conta hoje com os suspensos Lautaro Martínez e Marcos Acuña.

Por outro lado, o Chile joga na arena corintiana com Arias; Medel, Diaz e Jara; Isla, Pulgar, Vidal, Aránguiz e Beausejour; Sánchez e Eduardo Vargas. Fuenzalida e Maripán, titulares nos outros jogos, perderam a vaga para o duelo deste sábado.

Esta será a terceira Copa América consecutiva que reúne um duelo entre as duas seleções. Nas outras oportunidades, o Chile levou a melhor em ambos os confrontos.

Nos pênaltis, a equipe Roja superou os argentinos e venceu as finais de 2015 e 2016. Hoje, a consolação para o vencedor será a medalha de bronze.

Esporte