Topo

Atraso antes de ida da final do Mineiro põe Cazares em xeque no Atlético-MG

Juan Cazares chegou atrasado à concentração do Atlético-MG para jogo contra o Cruzeiro - Bruno Cantini/Atlético-MG
Juan Cazares chegou atrasado à concentração do Atlético-MG para jogo contra o Cruzeiro Imagem: Bruno Cantini/Atlético-MG

Thiago Fernandes

Do UOL, em Belo Horizonte

22/04/2019 11h10

Juan Cazares passou a sofrer com resistência nos bastidores do Atlético-MG. Um ato de indisciplina às vésperas do jogo de ida da final do Campeonato Mineiro deixou o equatoriano sem o mesmo respaldo de antes na Cidade do Galo.

O camisa 10 chegou atrasado à concentração para o jogo diante do arquirrival Cruzeiro, inicialmente marcada para sábado (13 de abril) e depois alterada para a noite de sexta-feira (12 de abril), e ficaria fora do primeiro compromisso da decisão como uma forma de punição. No entanto, a pedido dos companheiros de elenco, entrou em campo no Mineirão.

Os líderes do plantel se reuniram com membros da comissão técnica e da diretoria a fim de pedir que a sanção ao camisa 10 fosse revista. Cazares foi advertido e esteve entre os titulares de Rodrigo Santana no primeiro compromisso.

O jogador sentiu um desconforto muscular na coxa esquerda aos 18 minutos do primeiro tempo do duelo. Substituído por Vinicius na ocasião, ele passou por exame de imagem no decorrer da última semana. No entanto, não teve lesão constatada de acordo com o departamento médico do clube.

Por conta do desconforto, Juan Cazares ficou fora da partida de volta da decisão do Mineiro. O camisa 10 assistiu ao jogo ao lado da diretoria, em um espaço reservado pelo Atlético na Arena Independência. Além dele, o garoto Rafael Papagaio também esteve no lugar, que fica acima dos vestiários do estádio.

A situação deixou o meia-atacante em xeque na Cidade do Galo. Ele já não goza do mesmo prestígio de outrora com a cúpula mineira.