PUBLICIDADE
Topo

UOL de Primeira

Os bastidores do futebol em primeira mão


UOL de Primeira

DAZN "economizou" R$ 485 milhões ao desistir de transmitir Sul-Americana

A taça da Copa Sul-Americana - Gabriel Machado/AGIF
A taça da Copa Sul-Americana Imagem: Gabriel Machado/AGIF
Exclusivo para assinantes UOL

Do UOL, em São Paulo

07/08/2020 04h00

A DAZN economizará cerca de 91 milhões de dólares - R$ 485 milhões pela cotação atual - com a decisão de devolver os direitos de transmissão da Copa Sul-Americana - e da Recopa. A De Primeira apurou que o contrato rescindido estabelecia um pagamento de 35 milhões de dólares por ano - R$ 186,5 milhões - pelas competições de 2019 a 2022.

Além dos 70 milhões de dólares economizados com o não-pagamento de 2021 e 2022, a DAZN também não precisará desembolsar cerca de 21 milhões de dólares - R$ 112 milhões - do restante do acordo de 2020. A Conmebol pretende fazer um novo leilão para achar uma nova casa para a Sul-Americana no mercado brasileira. (Por Gabriel Vaquer)

UOL de Primeira