PUBLICIDADE
Topo

Notícias em primeira mão dos bastidores do futebol, informações exclusivas sobre o seu time, novidades do mercado da bola e o melhor do jornalismo esportivo em um só lugar. Só para assinantes UOL!

Fora da seleção, Edu já dá pitacos no Arsenal-ING e monitora até reforços

Lucas Figueiredo/CBF
Imagem: Lucas Figueiredo/CBF

Do UOL, em São Paulo, Porto Alegre e Rio de Janeiro

25/06/2019 04h00

Ainda que evite o assunto e não comunique oficialmente sua saída da seleção brasileira após a Copa América, Edu Gaspar já começa a dar expediente em seu futuro cargo. Escolhido como executivo de futebol do Arsenal (Inglaterra) para a próxima temporada, o coordenador da CBF divide o tempo entre o time de Tite e a equipe europeia. De olho na nova função, ele já está inserido na gestão do clube onde também foi jogador na década passada.

Edu dá pitacos sobre a estrutura do Arsenal e monitora até possíveis reforços para os ingleses. O cartola já tem falado sobre o novo trabalho para pessoas próximas. Nas redes sociais, seus filhos postam mensagens em tons de despedida do Brasil e recebem o carinho de amigos próximos. A família, aliás, tem sido outra prioridade de Gaspar. É comum ver Edu deixar o ambiente de concentração da seleção para ficar em casa durante a Copa América. Ainda assim, ele tenta manter a rotina: o coordenador se pronunciou em momentos delicados, como os problemas dentro e fora de campo envolvendo Neymar, e acompanha sempre a comissão técnica nos treinos. (Por Bruno Grossi, Danilo Lavieri, Marcel Rizzo e Pedro Lopes)

São Paulo atrasa direito de imagem e gera mal-estar com jogadores

Pelo menos cinco jogadores do São Paulo estão com direitos de imagem atrasados. Normalmente, o clube paga a cada três meses - há parcelas com atraso entre um e dois meses. Quando questionam o departamento financeiro, a resposta que recebem é de que a diretoria ainda não autorizou os pagamentos. Não é a primeira vez no último ano que isso acontece. A situação gera mal-estar diante do investimento realizado pelo clube em contratações de peso recentes como Pato e Tchê Tchê. Não existe, entretanto, nenhuma animosidade entre os jogadores que estão sem receber e os novos contratados. Pessoas ligadas à diretoria não negam nem confirmam os atrasos. (Bruno Grossi, Eder Traskini e Pedro Lopes)

Mais SPFC: Problemas na escola tiram jogadores do sub-16 de final

O São Paulo decidiu afastar jogadores do time sub-16 justamente da final da Copa LNTS, marcada para as 11h de hoje, no Pacaembu. O clube não diz quantos, nem quais atletas, mas diz trata-se de uma medida socioeducativa. Os garotos faltaram a aulas sem justificativa e por isso receberam essa sanção. O Tricolor impõe exigências de frequência e desempenho escolar para os jovens seguirem treinando em Cotia. David Neres, hoje na seleção brasileira, por exemplo, chegou a correr riscos de deixar o São Paulo após ser expulso da escola. (Por Bruno Grossi)

Caso Neymar: homem que teria vazado "nudes" de Najila vai depor sexta

O especialista em tecnologia da informação que teria sido responsável pelo vazamento de imagens íntimas da modelo Najila Trindade vai depor na próxima sexta, no Rio de Janeiro. O homem não trabalha diretamente para Neymar e foi contratado às pressas para executar o serviço, segundo depoimento prestado por Alex Bernardo, profissional que cuida das redes sociais do jogador. O vazamento das fotos foi o que motivou o inquérito aberto na Deelgacia de Repressão aos Crimes de Informática (DRCI). (Por Leo Burlá)

Copa América: CBF pede homenagem por morte de Thalles e aguarda COL

A CBF solicitou ao COL (Comitê Organizador Local) uma homenagem a Thalles, atacante do Vasco que morreu na semana passada. A ideia é que seja respeitado um minuto de silêncio na próxima quinta-feira, nas quartas de final da Copa América, na Arena Grêmio. O sinal verde precisa ser dado pelo COL, que comanda a competição. A entidade argumenta que o ato de luto só não foi feito no jogo de sábado por falta de tempo hábil para alterar o protocolo da competição. A CBF também deve prestar homenagem nas suas redes sociais. (Por Danilo Lavieri, Marcel Rizzo e Pedro Lopes)

Marco Aurélio rebate críticos em rede social após queda da seleção feminina

O coordenador de seleções femininas da CBF, Marco Aurélio Cunha, ficou incomodado com a queda da equipe na Copa do Mundo da França. Mais do que isso, o dirigente ficou incomodado com críticas e xingamentos em redes sociais. Em alguns casos, chegou a responder os detratores em mensagens privadas individuais. "Sou ríspido com alguns, mas sou uma pessoa democrática e não bloqueio ninguém. Não vi nada demais, foram apenas algumas pessoas mal-educadas. Não me chateia tanto isso", disse o cartola à De Primeira. Marco Aurélio ainda defendeu seu trabalho "bem diferente após quatro anos" e celebrou o que chama de novo momento da modalidade. (Por José Eduardo Martins e Pedro Ivo Almeida)

Atlético-MG libera Cazares de concentração para ver Equador x Japão

Os jogadores do Atlético-MG iniciaram o regime de concentração na tarde de ontem, logo após a reapresentação do elenco. No entanto, um atleta teve permissão para deixar a Cidade do Galo. O equatoriano Juan Cazares foi liberado por diretoria e comissão técnica para assistir ao jogo entre Equador e Japão, no Mineirão, pela Copa América 2019. O meia-atacante, inclusive, chegou ao local acompanhado do diretor de futebol Rui Costa e do técnico Rodrigo Santana. Esta foi a segunda partida assistida pelo atleta no campo. Ele esteve no estádio para o jogo de estreia do Equador, a derrota diante do Uruguai. (Por Thiago Fernandes)