PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Santos testa ataque sem Gabigol contra Atlético-PR goleador no 2º turno

Times se enfrentaram em má situação no primeiro turno, mas reagiram e ainda sonham com Libertadores - Jason Silva/AGIF
Times se enfrentaram em má situação no primeiro turno, mas reagiram e ainda sonham com Libertadores Imagem: Jason Silva/AGIF

Marcello De Vico e Napoleão de Almeida

Do UOL, em Santos e São Paulo

30/09/2018 04h00

Se o ataque é a melhor defesa, o Santos que se cuide: o Atlético-PR, adversário deste domingo, 16h na Vila Belmiro, chegará com o retrospecto de ter o melhor ataque do returno, com 13 gols marcados em sete jogos. Em contrapartida, o Peixe não poderá contar com Gabriel Barbosa, o Gabigol, artilheiro do Brasileirão com 13 gols.

Esta será a primeira partida do Santos no campeonato sem a presença do seu artilheiro. O atacante é responsável por quase metade dos tentos santistas na competição: 43,3%. Dos últimos oito, Gabriel marcou sete. Uma prova da enorme dependência que o time vem tendo do jogador de apenas 22 anos.

Sem Gabriel, Cuca deve apostar no trio formado por Rodrygo, Derlis González e Bruno Henrique, que ainda não recuperou a boa fase e segue devendo com o técnico. Vale também ressaltar que, exceção feita a Gabigol, nenhum homem de ataque do Santos balançou as redes nos últimos sete jogos – desde a vitória por 2 a 0 sobre o Bahia, quando o próprio Derlis deixou a sua marca.

Chance então para Pablo, vice artilheiro do torneio com 10 gols, tentar colar em Gabriel nesta disputa. O jogador, que tem passagem pelo Real Madrid Castilla, marcou nos três últimos jogos do Furacão no Brasileirão. O atacante tem sido um dos principais jogadores atleticanos na reação da equipe no nacional, da última para a 10ª colocação, uma à frente do Santos, antes do início da rodada.

Esse é mais um ponto em comum entre os times: são dois dos três melhores do returno – acima deles, ambos com 12 pontos no intervalo, apenas o Palmeiras, com 17. O duelo marca uma das últimas chances de ambos colarem no G6 e ainda sonharem com Libertadores via Brasileirão, contando também com uma hipótese de G7 – o Furacão também disputa a Copa Sul-Americana.

Superar o Santos longe de Curitiba e manter-se vivo nessa disputa significará, para o Atlético, o fim de um incômodo jejum: a equipe ainda não venceu fora de casa no Brasileirão. “Não temos que pensar nisso. Precisamos focar em fazer nosso melhor, mesmo sabendo que o tempo de recuperação deles foi menor. Vamos nos dedicar muito para conseguir essa primeira vitória fora de casa no Brasileirão”, declarou o meia-atacante Marcinho ao site oficial do Atlético.

SANTOS X ATLÉTICO-PR

Data/hora: 30/09/2018, às 16h (de Brasília)
Local: Vila Belmiro, em Santos
Árbitro: Caio Max Augusto Vieira (RN)
Auxiliares: Jean Marcio dos Santos (RN) e Vinicius Melo de Lima (RN)

SANTOS
Vanderlei; Victor Ferraz, Robson Bambu, Gustavo Henrique e Dodô; Alison, Carlos Sánchez e Diego Pituca; Derlis González, Bruno Henrique e Rodrygo.
Técnico: Cuca.

ATLÉTICO-PR
Santos; Diego Ferreira, Léo Pereira, Thiago Heleno e Renan Lodi; Wellington, Lucho González e Raphael Veiga; Marcelo Cirino, Pablo e Marcinho (Nikão).
Técnico: Tiago Nunes.

Esporte