PUBLICIDADE

Topo

Vídeos

OPINIÃO

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

Unesco: Denúncia sobre mortes em pesquisa com proxalutamida é das mais graves da América Latina

11/10/2021 14h36

A Unesco (Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura) considera a denúncia de 200 mortes de voluntários de pesquisa clínica com a proxalutamida feita no Amazonas (Brasil) uma violação aos direitos humanos e uma das infrações éticas mais graves e sérias da história da América Latina. No UOL News, o médico sanitarista Gonzalo Vecina Neto, ex-presidente da Anvisa, explica como começaram os testes: "É uma denúncia gravíssima. Não tinha nenhum tipo de suposição [de eficácia]"

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Vídeos