PUBLICIDADE
Topo

Mudou tudo! Samsung colocará novas tecnologias antes em celulares "baratos"

Celulares como o Galaxy A8 podem ter tecnologias inovadores antes dos tops - Gabriel Francisco Ribeiro/UOL
Celulares como o Galaxy A8 podem ter tecnologias inovadores antes dos tops Imagem: Gabriel Francisco Ribeiro/UOL

Gabriel Francisco Ribeiro

Do UOL, em São Paulo

04/09/2018 10h21

A Samsung está mudando completamente o seu modelo de negócio para a divisão de celulares. Em entrevista à rede norte-americana CNBC, o executivo-chefe da área mobile da companhia, DJ Koh, afirmou que a empresa colocará novas tecnologias e recursos inovadores primeiro em sua linha de celulares intermediários para só depois irem para os tops.

A nova estratégia muda completamente o que ocorre na companhia e na maioria das outras empresas atualmente -- normalmente, recursos novos aparecem primeiro nos aparelhos mais caros e só depois vão chegando a smartphones mais baratos.

Veja também:

Agora, em vez da linha Galaxy S e Note receber primeiro novas tecnologias, quem contará antes com recursos novos serão os celulares intermediários, como o Galaxy A. A companhia já projeta lançar o primeiro aparelho com este pensamento no final deste ano.

No passado, eu colocava novas tecnologias e diferenciações no modelo premium e depois levava para o intermediário. Mas eu mudei minha estratégia neste ano para trazer tecnologias e pontos de diferenciação a partir do intermediário

Koh

A nova estratégia ocorre, provavelmente, por resultados abaixo do esperado pela companhia no mercado mobile - as vendas fracas do Galaxy S9 derrubaram os números da divisão mobile da empresa.

Além disso, a Samsung enfrenta uma concorrência cada vez mais forte de empresas chinesas como Huawei, Oppo e Xiaomi. Essas companhias têm trazido nos últimos anos smartphones com recursos premium, mas por preços que costumam ser mais baixos do que o da concorrência.

O sonho por trás dessa mudança da Samsung está, claro, em atrair consumidores que não conseguem comprar os cada vez mais caros tops de linha -- principalmente os millenials.

Estamos focando muito mais em millenials que não podem comprar os tops de linha. Mas como posso entregar inovações significativas para os millenials? É isso que estou tentando diferenciar no intermediário 

Para se ter uma ideia, o Note 9 foi lançado no Brasil na última semana por preços que variavam de R$ 5.499 a R$ 6.499. Já o Galaxy A8 foi lançado no início do ano por R$ 2.399 -- agora já pode ser comprado por cerca de R$ 1.700.

O executivo afirmou que no início deste ano mudou a organização de pesquisa e desenvolvimento da Samsung para essa nova estratégia. Os resultados devem aparecer em breve -- e Koh apontou até que os intermediários podem ser lançados com uma frequência maior do que um ao ano.