PUBLICIDADE
Topo

Metade das mulheres e 38% dos homens 'xeretam' pretendente no Facebook antes de 1º encontro

Do UOL, em São Paulo

06/02/2013 11h41

Um estudo realizado com 5.000 solteiros pelo site de relacionamentos Match.com indica que quase metade das mulheres (48%) fazem buscas no Facebook, antes do primeiro encontro, para saber mais sobre o pretendente. Entre os homens, esse número fica em 38% (49% deles consideram a prática inaceitável). A pesquisa “Solteiros na América” foi divulgada nesta terça-feira (5). 

Os números

49% das mulheres e 27% dos homens cancelariam encontro por causa de informação que acharam na web 
48% das mulheres e 38% dos homens fazem buscas sobre pretendente no Facebook, antes do primeiro encontro
10% dos entrevistados achariam alguém sem perfil no Facebook mais interessante; 5% deles desconfiariam 

Também quase metade das mulheres (49%) cancelariam um encontro por causa de algo que encontraram enquanto pesquisavam na internet sobre o pretendente. Entre os homens, esse número cai para 27%.

Cerca de 27% dos homens solteiros e 26% das mulheres solteiras já limparam ou limpariam seu perfil antes de aceitar a amizade de um pretendente.

Entre aqueles que já terminaram um relacionamento por causa de algo que viram no Facebook, os motivos indicados pelos homens são: foto (55%), um post no mural de outra pessoa (42%) e atualização de status de relacionamento (21%). Já entre as mulheres, os motivos são: um post no mural de outra pessoa (48%), foto (36%) e quem o usuário adicionou como amigo (27%).

Do total de entrevistados, quase três quartos (cerca de 3.750) estão na rede social com mais de 1 bilhão de usuários – 7% deles usaram plataformas desse tipo para encontrar seu parceiro ou parceira mais recente. Um em cada dez disse que acharia uma pessoa mais interessante caso ela não tivesse um perfil nesse site; uma em cada 20 pessoas desconfiaria de quem não está no Facebook.

Ainda segundo a pesquisa, 65% dos solteiros não preenchem informações no campo “relacionamento” do Facebook. O estudo também indica que 40% dos solteiros não ficariam amigos de seus chefes na rede, enquanto 32% não aceitariam seus ex como amigos.