PUBLICIDADE
Topo

'Orem pela rainha Elizabeth', pede líder anglicano antes de enterro de Philip

Michael Holden

De Londres

16/04/2021 12h04

O líder espiritual da Igreja Anglicana, Justin Welby, pediu hoje aos britânicos que orem pela rainha Elizabeth 2ª ou lhe deem os pêsames em seus corações, um dia antes do enterro de seu marido, o príncipe Philip.

Philip, duque que Edimburgo que estava casado com a monarca britânica desde 1947, morreu no dia 9 de abril no Castelo de Windsor aos 99 anos, deixando um "vácuo enorme" na vida da esposa.

No sábado, um enterro real será realizado na Capela de São Jorge do castelo, uma cerimônia mais despojada por causa das restrições de coronavírus, mas haverá alguma mostra de pompa tradicional.

Welby, arcebispo de Canterbury que comandará o serviço ao lado do reitor de Windsor, disse que seria errado julgar como a rainha de 94 anos está se sentindo com base em sua aparência na cerimônia.

"Ela é a rainha, ela se comportará com a dignidade extraordinária e a coragem extraordinária com que sempre se comporta. E, ao mesmo tempo, ela está dizendo adeus a alguém com quem foi casada durante 73 anos", disse Welby.

Elizabeth, que é a líder simbólica da Igreja da Inglaterra, não é vista em público desde o falecimento do marido.

O segundo filho do casal, príncipe Andrew, disse que sua mãe está sendo estoica diante da perda, que descreveu como tendo deixado um "vácuo enorme em sua vida".