PUBLICIDADE
Topo

Egito descobre 250 tumbas de mais de 4 mil anos

11/05/2021 22h15

Cairo, 12 Mai 2021 (AFP) - O Egito descobriu cerca de 250 tumbas de 4,2 mil anos na província de Sohag, sul do país, anunciou nesta terça-feira o Ministério de Antiguidades. "Algumas contam com uma ou várias fossas funerárias. Outras, com um corredor que termina em uma câmara funerária", detalhou o ministério.

As tumbas foram criadas em um período compreendido "do fim do Antigo Império até o fim do período ptolomaico", acrescentou. O secretário-geral do Conselho Geral de Antiguidades egípcio, Mostafa Waziri, informou que uma das tumbas do Antigo Império apresenta leves traços de inscrições hieroglíficas e uma câmara para "os sacrifícios".

Segundo Mohamed Abdel-Badie, representante da área de Antiguidades e que comandou as escavações, foram encontrados objetos de cerâmica e dedicados às divindades egípcias, assim como pequenos vasos de alabastro, ossos humanos e de animais e relíquias de calcário que poderiam ser "monólitos funerários da 6ª dinastia".

Autoridades egípcias fizeram várias descobertas arqueológicas nos últimos meses, e têm esperança de relançar o turismo, fortemente golpeado desde a revolução de 2011, que tirou do poder o presidente Hosni Mubarak, e pela pandemia do novo coronavírus.

ff/awa/elm/af/dga/lb