PUBLICIDADE
Topo

Ex-BBB Aline detona 'lacradores' em meio à tragédia na Bahia: 'Dói na alma'

A ex-BBB Aline Gotschalg criticou "lacradores" em meio à tragédia climática no sul da Bahia - Reprodução/Instagram
A ex-BBB Aline Gotschalg criticou "lacradores" em meio à tragédia climática no sul da Bahia Imagem: Reprodução/Instagram

Colaboração para Splash, em Alagoas

29/12/2021 09h25

A ex-BBB Aline Gotschalg, de 31 anos, anunciou que irá se ausentar das redes sociais por sofrer com "tanta ostentação" dos "lacradores" em meio à tragédia enfrentada pela população do sul da Bahia, após várias cidades serem atingidas por fortes chuvas, que deixou mortos e milhares de desabrigados.

Nos stories de seu perfil no Instagram, Aline detonou aqueles que reclamam do fato não poderem "lacrar" devido aos temporais, enquanto milhares de pessoas perderam suas residências.

"Vou me ausentar por uns dias das redes sociais. Tá doendo ver tanta ostentação em meio ao caos que se encontra o sul da Bahia... A necessidade de mostrar fotos 'lacradoras' em jatinho particular me embrulha o estômago. A vontade de mostrar algum tipo de poder, dinheiro e status é maior do que a empatia e o bom senso pelo outro", iniciou.

"Pessoas reclamando das chuvas por conta das festas que não vão poder 'lacrar', enquanto tem milhares de pessoas perdendo suas casas devido às mesmas chuvas. É triste. Me dói na alma. Esse ano além de ter optado há alguns dias por não aglomerar, não consigo pstar lookinho de Réveillon, não consigo vir aqui e postar curtindo, bebendo e feliz, imaginando a dor de tantas famílias que estão em suas casas cheias de água para não perdê-las", completou.

bbb - Reprodução/Instagram - Reprodução/Instagram
A ex-BBB Aline Gotschalg criticou "lacradores" em meio à tragédia climática no sul da Bahia
Imagem: Reprodução/Instagram

Chuva deixa mortos e desabrigados

O sul da Bahia foi atingido por fortes chuvas nos últimos dias, deixando 21 mortos e cerca de 77 mil pessoas que precisaram deixas as suas casas — 34.163 delas estão desabrigadas e precisam de assistência do governo para ter uma moradia temporária. Segundo a Defesa Civil, mais de 470 mil pessoas foram afetadas pelos temporais, que deixaram ainda 358 pessoas feridas.

Já são 136 cidades em situação de emergência — o equivalente a 30% dos municípios na Bahia. Foram registrados 17 mil novos casos de pessoas desalojadas ou desabrigadas nas últimas 24 horas —no levantamento anterior, divulgado na segunda-feira (27) à tarde, a Defesa Civil havia contabilizado 60 mil pessoas nessas condições.

risco de novas enchentes em ao menos quatro municípios na região sul do estado, segundo alertou hoje o Corpo de Bombeiros do estado. Itambé, Canavieiras, Mascote e Cândido Sales devem ser atingidas pela abertura de comportas de uma barragem de Minas Gerais.

Famosos fazem doações

Famosos estão unindo forças nas redes sociais para arrecadar doações para ajudar o estado da Bahia.

Personalidades como a influenciadora digital Virgínia Fonseca, o cantor Wesley Safadão e a dançarina Lore Improta, anunciaram doações.

Outros nomes como Ivete Sangalo, Rafa Kalimann e Gil do Vigor também usaram as redes sociais para compartilhar informações sobre como fazer para ajudar a população. Já o influenciador digital Whindersson Nunes disse que fará um leilão com objetos pessoais e os valores arrecadados serão revertidos para doações.