PUBLICIDADE
Topo

Dedé Santana diz que Globo o demitiu de forma 'covarde': 'Um telegrama'

Dedé Santana falou sobre saída da Globo - Reprodução/Globo
Dedé Santana falou sobre saída da Globo Imagem: Reprodução/Globo

Colaboração para Splash, em Alagoas

06/12/2021 21h55

O humorista Dedé Santana, de 85 anos, disse que a forma como a TV Globo comunicou sua demissão foi "covarde" e bastante diferente dos métodos adotados pela emissora carioca quando quer contratar um funcionário.

Em entrevista ao site da Heloisa Tolipan, o famoso contou que, na hora de demonstrar interesse em ter determinado profissional em seu elenco, a Globo convida para almoçar, mas na hora da demissão ele recebeu "um telegrama" mandando-o até a sede da empresa, pois seria desligado.

"Eu fui um dos primeiros que eles dispensaram e de uma maneira feia. Foi covarde, porque para contratar eles te chamam, conversam, levam para almoçar. Agora, na hora de mandar embora... Eu recebi um telegrama no dia 23 de dezembro dizendo para ir lá que eu estava fora. Você imagina o Natal que eu passei", declarou.

"A Globo fez muito pelos 'Trapalhões', mas nós também fizemos muito pela Globo, nós demos o sangue lá dentro e na época eles foram muito legais. Mas a maneira que fizeram comigo foi muito covarde. O Boni [José Bonifácio de Oliveira Sobrinho] faz falta. Eles podiam ter me segurado, falado: 'Olha, vamos diminuir o salário'. Meu salário nunca foi milionário, que eu nunca fiz muita questão. Eu faço mais questão de ver o que eu vou fazer do que o que vou ganhar. Se eu gostar do projeto, não olho o salário", completou.

Atualmente, Dedé Santana faz parte do humorista "A Praça É Nossa", comandado por Caarlos Alberto de Nóbrega, no SBT. Na atração, ele contracena com Bananinha, personagem interpretado pelo ator Marcelo Benny.

Santana relatou que foi para "A Praça" a convite do próprio Carlos Alberto e disse que o quadro que divide com Beny é o mais visto do humorístico. "Ele tem um público infantil muito grande e de internet. E eu trago aquele que me acompanha desde 'Os Trapalhões'. Nossa química deu certo e está funcionando. Todo lugar que vamos é casa lotada", completou.