PUBLICIDADE
Topo

Brad Pitt entra com nova ação contra Angelina Jolie: 'Atitudes vingativas'

Brad Pitt e Angelina Jolie - Getty Images
Brad Pitt e Angelina Jolie Imagem: Getty Images

Colaboração para Splash, em São Paulo

21/09/2021 16h02

Brad Pitt está acusando a ex-mulher, Angelina Jolie, de tentar deixá-lo de fora de um acordo de venda das ações da atriz em um imóvel avaliado em US$ 164 milhões de dólares (aproximadamente R$ 800 milhões), que pertence ao ex-casal. O Chateau Miraval foi a vinícola na qual eles se casaram em 2014.

De acordo com informações do Daily Mail, o ator entrou com um novo processo contra Jolie, alegando que ela está tentando prejudicá-lo ao vender 50% de suas ações na propriedade por meio de sua empresa, Nouvel.

A vinícola em questão é propriedade da Quimicum, empresa em que Brad possui 60% das ações, por meio de sua outra empresa, Mondo Bongo.

Angelina possui 40% das ações da Quimicum. Três anos antes de se separar da atriz, Pitt acabou transferindo 10% das ações da Mongo Bongo para a Nouvel, igualando o mesmo patamar de ambos como acionistas.

O site ainda divulgou alguns documentos da ação judicial:

"Vale a pena mencionar que, nos últimos quatro anos, a Nouvel não agiu com interesse na Quimicum, atrasando sistematicamente a aprovação das contas anuais e a renovação do gestor".

"Entendemos que por trás dessa obstrução sistemática, o verdadeiro objetivo da Nouvel e de sua acionista [Angelina] é vender sua participação no Chateau Miraval SA de uma forma que contorne o direito de preferência da Mondo Bongo (conforme previsto nos artigos da Quimicum de aprovação), tendo, como consequência, uma mais-valia obtida graças ao investimento da Mondo Bongo e para a qual a Nouvel não contribuiu."

O Daily Mail ainda teve contato com uma fonte que afirmou que Jolie é vingativa e parece "querer burlar as regras":

"As atitudes de Angelina com o Brad são constantemente vingativas. É mais um exemplo de alguém que está tentando burlar as regras e evitar suas obrigações."