Topo

Influencer brasileiro que rodava o mundo com cão morre em acidente nos EUA

Jesse Kozechen, mais conhecido apenas como Jesse Koz, e seu cão Shurastey: o Golden Retriever o acompanhava na viagem Imagem: Arquivo pessoal

De Nossa

24/05/2022 17h21

O paranaense Jesse Kozechen, de 29 anos, morreu nesta segunda (23) em um acidente de carro na estrada US 199, conhecida como Redwood Highway a cerca de 1,6 quilômetros da cidade de Selma, no estado americano do Oregon.

Mais conhecido nas redes sociais como Jesse Koz, ele viajava com seu fiel companheiro, o cão Shurastey, em seu fusca branco 1978 quando colidiu contra um Ford Escape.

A motorista do outro veículo, Eileen Huss, de 62 anos, foi encaminhada ao hospital, segundo informações da KDRV, filiada local da emissora ABC. A criança que a acompanhava não ficou ferida; já o brasileiro morreu no local. Jesse teria tentado desviar da lentidão do trânsito e perdeu o controle do veículo, ainda de acordo com o canal KPTV, filiada da Fox.

Imagem: Arquivo pessoal

O brasileiro vivia na estrada desde 2017, quando iniciou sua jornada.

Acho que se estivesse sozinho, sem o Shurastey, já teria parado, porque a parte emocional pega muito. Você não tem contato com outras pessoas, não conversa com ninguém e ele me dá esse suporte emocional. Fora que me abre portas: quebra o gelo e o medo das pessoas virem conversar, trocar uma ideia e perguntar sobre a viagem." Contou Koz a Nossa em 2020.

Apesar de a polícia do estado do Oregon não ter informado o estado do Golden Retriever, de acordo com uma tia do influenciador e viajante que administra o perfil @shurastey.dogs no Instagram, o animal também teria perdido a vida no acidente e agora a família tenta trazê-los de volta para casa.

Relembrando Jesse Koz

Em março de 2020, ele contou a Nossa que dividiu seu périplo em etapas: primeiro de Florianópolis, em Santa Catarina, até o Ushuaia, "o fim do mundo" na Argentina. Depois, em uma aventura pelo Brasil e, em seguida, explorando a América Latina.

Parte da epopeia, ele também contou a Zeca Camargo no programa "Brasil com Zeca", de Nossa:

Há dois anos, ele tentava realizar outro sonho — levar o seu fusca Dodongo até o Alasca, nos EUA.

Serão mais de 4 anos de viagem, vivendo dentro de um fusca. Considerava retornar por não estar viajando com um carro totalmente seguro. Agora, com a reforma e o Dodongo ficando mais confortável e oferecendo mais segurança, talvez eu ganhe um ânimo para viajar mais um pouco, antes de voltar ao Brasil para escrever um livro, descansar e planejar a próxima aventura". Sonhava Koz, conforme relatou à repórter Claudia Dias na época.

Imagem: Arquivo pessoal

Sua expectativa inicial era chegar ao estado mais gelado do país em setembro de 2020, mas a pandemia interrompeu estes planos e ele retornou ao Brasil para aguardar a reabertura de fronteiras entre o território americano e o mexicano.

Em janeiro deste ano, Jesse comemorou o retorno ao México para buscar Dodongo e seguir viagem depois de um ano e três meses de separação — ele inicialmente acreditava que o afastamento da estrada seria de apenas quatro meses.

Nos últimos meses, o brasileiro e Shurastey viram os parques da Disney e da Universal nos entornos de Orlando, as praias de Miami, a capital, Washington e mais. Dodongo cruzou a Times Square, em Nova York, seguiu pela famosa Rota 66 no Arizona e levou Jesse e o cão até São Francisco, na Califórnia.

Há menos de uma semana, a dupla estava instalada em um acampamento no Oregon, de onde Jesse planejava entrar no território canadense para só então alcançar o Alasca.

O piloto Rubens Barrichello lamentou a morte do paranaense e seu Golden. "Meu Deus, que coisa mais triste. Descanse em paz, amigo. Foi um prazer conhecer vocês dois. Sinto muitíssimo", escreveu no perfil dos viajantes.

Juntos, Jesse e Shurastey viram 17 países e percorreram mais de 85 mil quilômetros.

Comunicar erro

Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Influencer brasileiro que rodava o mundo com cão morre em acidente nos EUA - UOL

Obs: Link e título da página são enviados automaticamente ao UOL