PUBLICIDADE
Topo

Fórmula 1

OPINIÃO

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

Seixas: "Ricciardo venceu, mas Bottas foi o nome da corrida na Itália"

Do UOL, em São Paulo

12/09/2021 14h29

Definitivamente, Valtteri Bottas viveu uma semana intensa. Primeiro, o futuro do finlandês foi definido: com saída confirmada da Mercedes ao final desta temporada, ele correrá pela Alfa Romeo em 2022. Depois, já no circuito de Monza, largou na frente e venceu o sprint qualifying, mas largou em 19º na corrida deste domingo (12) após a troca de alguns componentes em seu carro. Em uma prova de recuperação, ele beliscou um lugar no pódio e foi o terceiro colocado no GP da Itália.

No Fim de Papo F1, live pós-corrida do UOL Esporte - com os jornalistas Fábio Seixas e Flavio Gomes - o desempenho de Bottas na pista italiana foi elogiado pelos comentaristas. Apesar de a vitória ter sido de Daniel Ricciardo, Seixas considerou o finlandês como o principal destaque da corrida.

"Nunca achei que fosse falar isso, mas o nome da corrida foi o Bottas. Ele largou em 19º. Em uma pista veloz como Monza, em que ninguém ultrapassa ninguém, o Bottas foi a exceção que confirma a regra passando todo mundo. Ele estava louco para passar o Pérez no fim da prova , mesmo com uma punição [para o mexicano]. O Bottas imaginaria que dava para chegar no Norris e tentar algo até maior na corrida", comentou Seixas.

Gomes destacou como Bottas superou as expectativas, ainda mais após largar na parte de trás do grid. "Agora que está relaxadão, Bottas passou todo mundo. Só não passou o Pérez, que estava punido com cinco segundos, e assim conseguiu chegar ao pódio. Ele fez a pole na sexta, ganhou a sprint race, que deu a pole, mas não ganhou nada porque teve que largar em último. Aí veio jantando todo mundo e fez um corridaço, digno de aplausos. Foi um personagem não só da corrida, como também da semana", destacou.

O terceiro lugar de Bottas também foi fundamental na briga entre Mercedes e Red Bull no Mundial de Construtores. A equipe alemã lidera com 362,5 pontos, contra 344,5 da escuderia austríaca, que teve Pérez terminando a prova na quinta posição.

Seixas se surpreendeu com o desempenho do finlandês em Monza. "Antes da prova, o Bottas falou que ia lutar pelo pódio. Parecia algo meio maluco naquela altura. Mas, com tudo o que aconteceu na prova, com dois carros importantes deixando a corrida, correndo com um baita carro, com a faca nos dentes e relaxado, o Bottas foi lá e chegou na terceira colocação. Em que pese a vitória do Ricciardo, o piloto do dia, para mim, foi o Bottas", completou.

Não perca! A próxima edição do Fim de Papo F1 será em 26 de setembro, logo após o GP da Rússia.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Fórmula 1