Topo

Bruno Guimarães faz exames em Belo Horizonte para assinar com o Newcastle

Bruno Guimarães durante treino da seleção brasileira; ele aproveitou brecha na agenda para resolver transferência Imagem: Lucas Figueiredo/CBF

Gabriel Carneiro e Igor Siqueira

Do UOL, em Belo Horizonte

28/01/2022 15h40

Classificação e Jogos

O volante Bruno Guimarães passa por exames médicos na tarde desta sexta-feira (28), em uma clínica de Belo Horizonte, e se aprovado assinará contrato de cinco anos com o Newcastle, da Inglaterra.

Atualmente vinculado ao Lyon-FRA, o jogador está a serviço da seleção brasileira para duas rodadas das Eliminatórias da Copa do Mundo do Qatar e aproveitou o único dia de folga dos jogadores no período para resolver a burocracia de sua transferência junto com seu estafe, empresário e advogado, e também um representante do clube inglês.

Bruno Guimarães ficou no banco de reservas da seleção no empate de ontem (27) em 0 a 0 com o Equador, em Quito. A delegação voou para o Brasil de madrugada e desembarcou de manhã no hotel onde ficará hospedada no bairro da Savassi. O grupo está de folga e foi curtir um almoço na Cidade do Galo, o CT do Atlético-MG, com comissão técnica e funcionários.

O volante, por sua vez, aproveitou a brecha dos compromissos da seleção para realizar os exames médicos na própria capital mineira — a CBF não viu razões para colocar empecilhos. Ele se junta ao grupo na sequência e participa normalmente do treino previsto para amanhã, na Toca da Raposa.

O novo clube de Bruno Guimarães foi recentemente comprado por um fundo de investimentos da Arábia Saudita e promete movimentar o mercado da bola. Antes do brasileiro, já foram contratados nomes como Chris Wood, atacante que estava no Burnley, e Trippier, lateral-direito ex-Atlético de Madri. O investimento neles foi de R$ 266 milhões.

Por Bruno Guimarães, o Newcastle pagará ao Lyon 40 milhões de euros (R$ 240 milhões, aproximadamente), além de outros valores em comissões e burocracias que podem aumentar o valor até R$ 300 milhões.

O Lyon tinha comprado o volante do Athletico-PR em janeiro de 2020 por menos da metade do valor. O clube brasileiro terá direito a 20% do lucro dos franceses na operação, ou seja, quase R$ 25 milhões.

Curiosamente, quando o jogador foi vendido pelo time de Curitiba, ele também estava concentrado com a seleção. Naquela ocasião, com a pré-olímpica para a disputa da vaga em Tóquio.

Comunicar erro

Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Bruno Guimarães faz exames em Belo Horizonte para assinar com o Newcastle - UOL

Obs: Link e título da página são enviados automaticamente ao UOL

Futebol