PUBLICIDADE
Topo

Alemão - 2019

Marcelo Guimarães provoca rival: "torcedor do Vitória me pede para ser presidente"

Marcelo Guimarães fez questão de aumentar ainda mais a rivalidade que já existe entre Bahia e Vitória - Divulgação/Bahia
Marcelo Guimarães fez questão de aumentar ainda mais a rivalidade que já existe entre Bahia e Vitória Imagem: Divulgação/Bahia

Do UOL, em São Paulo

28/02/2012 10h48

O segundo Ba-Vi do ano está marcado só para o dia 18 de março, mas fora de campo a bola já começou a rolar. Nesta segunda-feira, em entrevista à Rádio Itapoan FM, o presidente do Bahia, Marcelo Guimarães Filho, ‘cansou’ de provocar o rival, e chegou a afirmar que torcedores rubro-negros o param nas ruas para lhe pedir que assuma a presidência do Vitória. O mandatário tricolor ainda ‘desprezou’ as reclamações do rival em relação à arbitragem e disse que o Campeonato Baiano já tem dono.

“O Bahia é favorito, porque é o maior clube do Norte-Nordeste. E por isso vamos ganhar sim o campeonato. Esse negócio de dez anos sem títulos não tem nada a ver. O Vitória da Bahia passou 40 anos sem ganhar título e nem por isso acabou. Inclusive, quando saio às ruas, muitos torcedores do Vitória me pedem para ser presidente do clube, pois querem ver o time deles em uma situação melhor”, afirmou.

E as provocações não pararam por aí. Marcelo Guimarães Filho aproveitou para cutucar o rival novamente quando o assunto foi o jovem lateral-esquerdo Mansur, que acabou trocando o Bahia pelo Vitória no início do ano.

“Desejo muita sorte a ele, pois tem potencial. Mas, naquele momento foi mal assessorado. Isento o Alexi [Portella, presidente do Vitória] disso, pois o jogador foi para lá levado pelos procuradores. No futuro, ele vai se arrepender por não carregar duas estrelas de campeão brasileiro no peito em troca por um time que não tem estrela”, disparou o presidente tricolor.

Líder do Campeonato Baiano, o Bahia soma 26 pontos na tabela de classificação, seis a mais do que o Vitória, quarto colocado. No primeiro e único clássico disputado até agora na competição, houve empate sem gols, em Pituaçu. O próximo acontece no Barradão, casa rubro-negra.